A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

22/09/2009 12:31

Mutirão carcerário já beneficiou 652 presos no Estado

Redação

O mutirão carcerário contemplou um terço dos presos que tiveram os processos analisados em 30 dias. Segundo o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, 424 foram beneficiados com progressão de regime e 228 obtiveram alvarás de soltura.

Realizado por determinação do CNJ (Conselho Nacional de Justiça), o mutirão só está contemplando os presos de Campo Grande nesta primeira fase.

O juiz Alexandre Antunes, coordenador dos trabalhos cartorários do mutirão, explicou que em 2.000 processos já houve manifestação. "Nossa expectativa é terminar o mutirão carcerário em Campo Grande até o dia 2 de outubro", disse, explicando que o próximo passo é estabelecer o início dos trabalhos nas Comarcas de Dourados, Ponta Porã e Naviraí.

Após a finalização do mutirão carcerário na Capital, em prosseguimento aos trabalhos, já existe um cronograma para as atividades no interior de MS. No dia 5 de outubro está previsto o início do trabalho dos juízes em Dourados, Naviraí e Ponta Porã, com previsão de encerramento no dia 9 de outubro.

Na sequência, a partir do dia 13, os magistrados atuarão na Comarca de Corumbá, com término no dia 28 de outubro. E, no dia 29, serão iniciados os trabalhos nas Comarcas de Três Lagoas e Paranaíba, com previsão de encerramento no dia 7 de novembro.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions