A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

13/02/2009 12:11

Nelsinho vai discutir restaurante popular com Puccinelli

Redação

Na manhã de hoje, o prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PDMB), disse que, ainda neste fim de semana, vai conversar com o governador do Estado, André Puccinelli (PMDB), para se inteirar dos motivos que levaram o fechamento do Restaurante Prato Popular no bairro Lajeado.

"Vou ouvir o que o governador pensa sobre o assunto e colocar o município a disposição para qualquer proposta que o governo possa ter", adiantou o prefeito.

Segundo Nelsinho, a idéia de se transformar a atual rodoviária, que será desativada, em um restaurante popular não tem nenhuma relação com o fechamento do restaurante do bairro Lajeado.

O Caso - No início desta semana, a Coca-Cola Femsa, empresa que, junto como governo do Estado bancava o projeto, anunciou que o restaurante seria fechado.

O objetivo do projeto era servir comida digna e de qualidade às pessoas que trabalham no lixão de Campo Grande como catadores, pelo prato de comida os trabalhadores pagavam apenas R$ 1.

A Coca-Cola Femsa, esclareceu que deixou a parceria com o governo do Estado para investir no projeto Praça da Cidadania.

Segundo a empresa, o novo projeto é maior que o Prato Popular e tem previsão de atender, por evento realizado, cerca de duas mil pessoas. No restaurante, conforme a Femsa, eram atendidas, em média, por dia, 250 pessoas.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions