A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

25/05/2015 19:34

Nome do novo reitor do IFMS deve ser homologado no dia 11 de junho

Antonio Marques
Luiz Simão Staszczak, candidato único a reitor do IFMS, vota na primeira eleição direta da instituição. (Foto: Divulgação/IFMS)Luiz Simão Staszczak, candidato único a reitor do IFMS, vota na primeira eleição direta da instituição. (Foto: Divulgação/IFMS)
Cerca de 8 mil eleitores, entre professores, técnicos administrativos e estudantes votaram para a escolha do novo reitor do IFMS (Foto: Divulgação/IFMS)Cerca de 8 mil eleitores, entre professores, técnicos administrativos e estudantes votaram para a escolha do novo reitor do IFMS (Foto: Divulgação/IFMS)

O IFMS (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul) realizou hoje, 25, sua primeira eleição direta para a escolha do novo reitor da instituição. O resultado deve ser homologado no dia 11 de junho e enviado ao Ministério da Educação, em Brasília. A partir daí passa a contar um prazo de até 90 dias para aprovação do nome do novo reitor do IFMS.

A eleição aconteceu simultaneamente nos dez câmpus da instituição sediados em dez municípios polos do Estado. Votaram na consulta professores, técnicos administrativos e estudantes. A expectativa era que 8.332 eleitores participassem da consulta para eleger o único candidato inscrito no pleito, o atual pró-reitor de Pesquisa e Inovação Luiz Simão Staszczak.

O novo reitor vai administrar um orçamento de R$ 37,8 milhões neste ano. Serão R$ 21,4 milhões para o custeio nas dez unidades e R$ 16,4 milhões para investimentos, o que é considerado pouco para a amplitude do Instituto, que tem atualmente, 286 professores e 364 técnicos administrativos no quadro de servidores e atende 7.682 estudantes nos cursos presenciais.

Ainda como desafio, novo reitor quer criar projetos de incubadoras ligados aos câmpus nos municípios para possibilitar de incentivar que os alunos possam elaborar seus diversos projetos e poder apresentar ao mercado e à sociedade as inovações e novas tecnologias desenvolvidas no estado.

Conforme Simão, o foco da gestão está na melhoria dos processos de forma a aperfeiçoar a política de distribuição dos recursos orçamentários, além da implantação de conselho para democratizar ainda mais e dar maior transparência na gestão de recursos, equipamentos e materiais. Até a conclusão desta matéria, a assessoria do IFMS ainda não havia divulgado o número de eleitores que foram às urnas.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions