A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 26 de Agosto de 2019

06/03/2013 11:39

Nove municípios de MS vão receber recursos do PAC Vias Urbanas

Francisco Júnior
Senador comemora inclusão do Estado no PAC das Vias Urbanas. (Foto: Divulgação)Senador comemora inclusão do Estado no PAC das Vias Urbanas. (Foto: Divulgação)

Nove municípios de Mato Grosso do Sul foram contemplados pelo PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) de Qualificação de Vias Urbanas. A relação das cidades inclusas no programa foi publicada no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (6).

O total destinado para o Estado chega a R$ 118,8 milhões. Além de Campo Grande, cujo valor final vai ser definido dentro de 15 dias, receberão investimentos os municípios de Dourados ( R$ 49,91milhões), Aquidauana (R$ 12,79 milhões), Coxim (R$ 19,86 milhões), Maracaju (R$ 10 milhões), Miranda (R$ 4,86 milhões), Naviraí (R$ 5,23 milhões), Nova Andradina ( R$ 8,58 milhões) e Rio Brilhante ( R$ 7,59 milhões), totalizando R$ 118,8 milhões somente para o interior do estado.

“Esta é uma grande vitória de todos nós, integrantes da bancada de Mato Grosso do Sul em Brasília, em especial os parlamentares do PT, eu e os deputados Antonio Carlos Biffi e Vander Loubet, que trabalhamos intensamente nos últimos meses junto ao Ministério das Cidades e à Presidência da República para que o maior número possível de prefeituras fossem atendidas”, disse o senador Delcídio do Amaral (PT).

De acordo com ele, foram inúmeras reuniões com as equipes do governo federal e dos municípios, discutindo as prioridades, elaborando os projetos e, principalmente, fazendo gestões junto à equipe da presidenta Dilma Roussef.

Segundo o parlamentar, todas as cidades contempladas vão passar por uma verdadeira revolução urbana.

Os recursos do PAC de Qualificação de Vias Urbanas serão investidos em pavimentação, sinalização, criação de corredores de transporte coletivo e na implantação de travessias para dar mais segurança ao tráfego de pedestres e veículos. A partir de agora, os municípios contemplados terão que seguir os trâmites previstos nas normas do Ministério das Cidades para receber os recursos e iniciar as obras o mais rápido possível.

 

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions