A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

10/08/2010 17:27

Oito meses após morte, corpo de Neide Mota será cremado

Redação

A Justiça autorizou nesta terça-feira a cremação do corpo da médica Neide Mota Machado, proprietária da clínica de aborto fechada em 2007, que cometeu suicídio em novembro de 2009. A decisão foi tomada pelo juiz da 2ª Vara do Tribunal do Júri, Aluízio Pereira dos Santos.

De acordo com a decisão, a irmã de Neide, Glicemia Fonseca Mota, apresentou declaração registrada em cartório três dias antes de sua morte, e subscrita por testemunhas.

No texto da declaração, Neide expressa a vontade de que "meus restos mortais sejam cremados e as cinzas resultantes sejam deixadas no crematório Vila Alpina, em São Paulo".

O primeiro pedido de cremação foi apresentado pela irmã de Neide para a juíza Maria Isabel de Matos Rocha, da 3ª Vara de Fazenda Pública.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions