A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

04/03/2013 17:20

Ônibus sai de Campo Grande para integrar marcha de trabalhadores em Brasília

Gabriel Neris

Seis centrais sindicais irão fazer na próxima quarta-feira (4) uma marcha nacional de trabalhadores, em Brasília. Um ônibus com 47 pessoas sairá de Campo Grande hoje, às 20h, para engrossar o coro de reivindicações na capital federal.

De acordo com o presidente da Feserp-MS (Federação Sindical dos Servidores Públicos Estaduais e Municipais do Estado de Mato Grosso do Sul) e da Nova Central MS, Rudney Vera de Carvalho, a expectativa é que a marcha reúna cerca de 40 mil trabalhadores do Brasil inteiro.

Na pauta de reivindicações estão o fim do fator previdenciário, a redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais, a destinação de 10% do PIB (Produto Interno Bruto) à saúde, a destinação de 10% do PIB à educação, igualdade de salários entre homens e mulheres, o destravamento do processo de reforma agrária e uma política de valorização dos salários dos aposentados.

A marcha contará com a participação da CUT (Central Única dos Trabalhadores), Força Sindical, Nova Central, CGTB (Central Geral dos Trabalhadores do Brasil), CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil) e UGT (União Geral dos Trabalhadores). “Até agora o governo estava irredutível”, disse Vera.

O protesto começará por volta das 10h. A expectativa é que a presidente Dilma Rousseff (PT) receba os líderes sindicais às 14h. Após o manifesto, os trabalhadores já irão retornar para Campo Grande.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions