A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 16 de Julho de 2018

30/04/2009 10:08

Pesquisa da PRF traça perfil de condutores de ambulância

Redação

Uma pesquisa feita pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) levantou as condições das ambulâncias que trafegam nas rodovias de Mato Grosso do Sul e a realidade de trabalho dos motoristas.

Reclamações por parte da própria categoria, ao longo dos anos, despertou o interesse da PRF em traçar o perfil deste profissional e as condições de trabalho deles.

O levantamento foi desenvolvido pela PRF no último dia 17 de março, onde 62 condutores foram entrevistas em diferentes postos e apontou com um dos fatores preocupantes o excesso de velocidade cometido pelos motoristas.

"O que podemos perceber é que são poucos os casos em que os motoristas estão transportando pacientes em regime de urgência/emergência, onde seriam obrigados a ultrapassar o limite de velocidade", explica Ademir de Souza Benites, da assessoria de imprensa da PRF. Mas na prática, não é isso que a polícia verifica. Segundo a pesquisa, 95,17% desses profissionais ultrapasam a velocidade permitida.

A maioria afirmou fazer mais de 12h/dia, 45,16% declararam não receber hora extra e adicional noturno e ainda são obrigados a fazer mais de sete viagens por semana.

Falta de manutenções nos veículos, má conservação dos pneus e falta de equipamentos adequados para remoção e transporte das vítimas, também foram apontados por 50% dos entrevistados como os problemas mais enfrentados pela categoria.

A partir dessa pesquisa foi elaborado um documento entregue aos representantes da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) e Detran com objetivo de criar soluções para trazer melhorias as condições de trabalho e serviço prestado pela categoria.

Ações desenvolvidas juntos os motoristas do transporte escolar servirá como parâmetro. A idéia e que as prefeituras desenvolvam cursos de capacitação e reciclagem junto aos condutores para mudar essa realziadade.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions