A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 20 de Janeiro de 2019

17/11/2011 09:11

PF cumpre 108 mandados de prisão em MS e mais 7 Estados; 43 contra policiais

Paula Vitorino

Quadrilha atuava no contrabando e tinha a ajuda de policiais

Cigarros apreendidos durante Operação. (Foto: Divulgação)Cigarros apreendidos durante Operação. (Foto: Divulgação)

A Polícia Federal do Paraná iniciou nesta quinta-feira (17) a Operação Láparos com o objetivo de desarticular quadrilha com atuação na fronteira e em 8 Estados, incluindo o Mato Grosso do Sul.

De acordo com a PF, a quadrilha atua na pratica de contrabando e tem o envolvimento de policiais civis, militares e rodoviários federais. A Operação deve cumprir 108 ordens de prisão preventiva, sendo 43 contra policiais, e 150 mandados de busca e apreensão.

A maioria das ações da PF acontece hoje no Paraná, em 38 cidades, e em Mato Grosso do Sul são 3. Ainda não existem informações sobre a as ações desenvolvidas pela quadrilha em MS, apenas de que um dos municípios com mandado de prisão é Eldorado.

Os policiais ainda cumprem os mandados nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Rondônia, Mato Grosso, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Todas as ordens foram expedidas pela Justiça Federal em Guaíra e em Umuarama. As investigações tiveram início há 14 meses, quando foram presas em flagrante 202 pessoas e apreendidos mais de 3 milhões de pacotes de cigarros do Paraguai, 6,5 toneladas de agrotóxicos, 109 caminhões, 76 automóveis e 13 embarcações.

As investigações ainda apontaram o envolvimento de 13 policiais civis, 29 militares e 1 policial rodoviário federal, sendo todos do Paraná. Eles são acusados de receber dinheiro para informar sobre as ações da PF contra o contrabando, garantindo ainda a livre circulação de veículos usados pela quadrilha para distribuir cigarros e agrotóxicos contrabandeados.

O Ministério Público do Paraná em Cascavel, a Secretaria de Estado da Segurança Pública do Paraná e a Corregedoria Regional da PRF colaboraram com as investigações.

Mega-Sena acumula e pode pagar até R$ 38 milhões na quarta
Ninguém acertou as seis dezenas da sorte na noite deste sábado (19) e o prêmio da Mega-Sena acumulou em R$ 38 milhões. O próximo sorteio está previst...
OMS lista as 10 principais ameaças para a saúde em 2019
Surtos de doenças preveníveis por vacinação, altas taxas de obesidade infantil e sedentarismo, além de impactos à saúde causados pela poluição, pelas...


EU ADEMIRO MUITO O SERVIÇO DOS PF DE MS ,POIS ELES SAO EXPLO DE POLICIAS,NAO PERDOAM NIGUEM,TEM QUE SER ASSIM MESMO.
 
alexsandro lino aristimunho em 18/11/2011 08:07:20
Legal éssas operações. mas já pensou se a PF pudesse fazer certas operações no congresso nacional ou no senado federal, seria uma maravilha total.
 
amilton almeida em 17/11/2011 12:12:05
Luiz Santana,

Você com certeza é um cidadão exemplar. Criticar é muito fácil. Caso você saiba algo favor denunciar, meu caro amigo. Tem muita gente trabalhando por esse país. Faço o mesmo ou não atrapalhe.
 
Rodolpho Moraes em 17/11/2011 06:34:30
Que maravilha esse trabalho da Polícia Federal. Pena que ningüem investiga a própria, ou é uma instituição sem DESLIZES?. Estou pra ver uma instituição perfeita em nosso País.
 
luiz santana em 17/11/2011 04:54:23
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions