A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

23/10/2013 11:04

Pichações “misteriosas" assustam moradores de bairro da Capital

Filipe Prado
Com receio moradores pintam pichações em muros (Foto: Cléber Gellio)Com receio moradores pintam pichações em muros (Foto: Cléber Gellio)

Moradores do bairro Coronel Antonino, em Campo Grande, estão com medo de pichações que estão sendo feitas nos muros das casas e comércios. Eles sentem receio de que estes desenhos e símbolos pintados na parece possam ser marcações para que bandidos entrem em suas casas.

Há algumas semanas os desenhos vêm aparecendo em casas da região. Noemi Malaquias, 27 anos, fica com medo, pois teme pela segurança da moradia. “Eu não sei se é malandragem ou outra intenção, como a marcação para roubo. Quando picharam aqui, me marido já pintou por cima, para precaver”, comenta.

Albertino Fonseca, 53, que tem uma marcenaria, na rua Santa Maria, diz que os vizinhos sentem receio por conta das pichações nos muros. “O pessoal vem e picha, põe número, símbolo, e os vizinhos, porquê sentem medo, sempre apagam”, explica o empresário.

O contador Fernandes, 32, que não quis se identificar com o nome completo, está indignado com a situação, pois não sabe o que fazer. “Eu gostaria de saber o que são estes desenhos. Pra saber se é alguma demarcação ou vandalismo. Isso me incomoda muito, porque tenho que ficar pintando o muro sempre”, afirma o morador.

Os comércios do bairro também se sentem incomodados com a situação, mas não acham que seja uma demarcação, como comenta a personal trainner, Eduarda Fons Baratella, 26. “Nós já pintamos a fachada da academia duas vezes e eles vêm e picham novamente. Eu acho isso um vandalismo, pois eles estão destruindo um patrimônio privado. E isso tem um custo pra gente. Mas eu acho que é somente vandalismo, não uma demarcação para roubo”, comenta.

Segundo a assessoria da Polícia Militar, eles não tem informações sobre casos relacionados a marcações feitas por pichações na região.

 

Eduarda não tem medo da demarcação, mas acha as pichações um vandalismo (Foto: Cléber Gellio)Eduarda não tem medo da demarcação, mas acha as pichações um vandalismo (Foto: Cléber Gellio)


Olha a pessoa de bem só tem a perder tem que pegar esses safados e fazer arcar com os prejuízos, acabei de ter meu muro limpinho pichado por esses bando, o prejuizo é so meu não sei porque não picham a sua propria casa.
 
Ana Carla em 23/10/2013 22:19:46
A casa que eu morava no bairro vila almeida na rua comercial foi assaltada e no dia anterior apareceu uma coisa dessa no muro da frente! Se tem haver eu não sei? Se não é casa marcada, que coincidência né!
 
olga helena em 23/10/2013 21:22:16
Infelizmente no meu bairro Residencial Guaicurus, a minha rua que era tão tranquila também já apareceram essas pichações ridículas.... E conversando com alguns vizinhos chegamos a conclusão que são menores "skatistas" que os pais não querem em casa e mandam "brincar" na frente da casa dos outros, além de estragarem as calçadas, muros, plantas e até iluminação pública ainda ficam falando palavrões entre outras barbaridades, tirando nossa tranquilidade no horário do nosso abençoado descanso. Acredito que os pais precisam ser mais responsáveis na educação, cuidar, dar atenção, amor, carinho, ensinar a respeitar o próximo.
 
Simone Silva em 23/10/2013 17:38:32
Isso é uma linguagem sim. Mas poucos sabem, pelo menos o que eu ja ouvi falar.
fikdik
 
Erus Shun em 23/10/2013 17:37:50
Não não são não. No Arnaldo de Figueiredo é uma cambada de skatista que estão vindo dos bairros periféricos. Meninos pequenos, adolescentes e adultos. A maioria fumando o cigarrinho do capeta todos eles. Trabalham no que para sustentar o vício? Como? E os pais, nem sequer fiscalizam o que os filhos estão fazendo. Deixam à vontade e quando estiverem usando drogas pesadas ai é tarde. Não dá nem pra passear com os netinhos pois eles nem estão ligando se vc está vendo ou não.
 
Carlos Marques em 23/10/2013 16:47:36
Recado para Diego de Oliveira Areco:
Não sou advogado constituído da Sra. ROBERTA FARIAS, mas o que ela expressou foi que tem filmagens do bairro e quem faz "essas palhaçadas" são menores de idade e a maioria são skatistas. E definiu os pichadores como bando de marginais.
Chamar esses contraventores mirins de bando de marginais é um tanto quanto exagerado, mas identificados os culpados poderiam ser responsabilizados e ressarcirem o prejuízo do dano.
Quanto à sua indignação, se a carapuça lhe serviu, vista-a.
 
Jair Bastos em 23/10/2013 15:22:29
Aqui no bairro Sto Antonio vários muros e fachadas foram pichados, paredes recém pintadas foram vandalizadas. Que tal a polícia investigar para deter esses vandalos que só sujam a nossa capital.
 
Marco Barboza em 23/10/2013 14:35:34
Campo Grande esta crescendo e cresce tambem os ´ fazem nada ` e saem para pichar as suas siglas de ´galera ` para ´marcar territorio ` .. é comum em cidade grande , infelizmente , vamos cabar com isso logo Policia , a tendencia é piorar !!!
 
ricardo alberto em 23/10/2013 13:35:16
EXISTEM RELATOS NO FACEBOOK DE CASAS PICHADAS E LOGO DEPOIS ASSALTADAS
 
Alex andré de souza em 23/10/2013 13:29:31
São um bando de reterdados que picham, tiram fotos e postam no "face", esse maldito "face", depois se forem presos, na maioria são menores, saem rindo da delegagia, o melhor é se pegar da uma surra.
 
joao de deus em 23/10/2013 13:25:16
"SNC" Sem Ninguém e Casa será que tem a ver?????
 
MARCELO FERNANDES em 23/10/2013 13:22:14
Quem entende um pouco de animais, logo também entende o que as pichações querem dizer. Quando você sai com seu cão para passear, o que ele faz? Demarca seu território. Pois bem, é isso que o indivíduo quer dizer: essa é minha área e você forasteiro, não é bem vindo. Óbvio que esse território tem muitas finalidades... alô PM e GM.
Nos grandes centros algumas pichações fazem referência aos melhores horários para furtos e roubos, do tipo: melhor para furto à tarde; bom para furto à noite; não fica ninguém nos finais de semana... enfim.
 
Leoney Barbosa em 23/10/2013 13:01:09
Não é de hoje essas pichações "misteriosas", se reparar bem no centro da cidade acontece,e em vários bairros,na antiga casa que eu estava picharam o muro com essas escritas estranhas e indecifráveis,logo após comecei a reparar um homem estranho cuidando o portão quem entrava e saia,informei a proprietária do local que inclusive flagrou o suspeito de olho na moto do vizinho e chamou a policia,mudei recentemente do local!!
 
Franciele Jung em 23/10/2013 12:56:34
Recado para a Sra. Roberta Farias que fez um comentário logo abaixo:
A nossa sociedade é dividida em grupos e subgrupos a perder de vista! só assim ela pode ser estudada e assim se desenvolver opiniões sobre o que eles defendem e acreditam. Ou seja, generalizar é burrice. Na verdade burrice é pouco.
Antes de afirmar que os skatistas são um "bando de marginais", procure saber do que está falando.
 
Diego de Oliveira Areco em 23/10/2013 12:41:34
Contra ladrão, nada como um bom cão de guarda e um revólver na cintura!.
 
João Vitor dos Santos em 23/10/2013 12:18:15
Olha minha amiga teve a casa assaltada e tinha umas pichações dessas,e segundo os isso é um código dos assaltantes sim.
 
Luciene Lopes em 23/10/2013 11:51:55
Tem que ficar de olho, pois essas pichações nunca estão só, estão sempre acompanhadas de drogas e drogado é capaz de tudo. Tem gente que diz que não é PICHADOR mas sim GRAFITEIRO, já que não querem ser comparados com pichadores que ajudem a proteger nossa capital fazendo sua denúncia, já que eles se conhecem e sabem quem são.
Pichação é crime ambiental e dá cadeia
A pessoa que picha ou grafita qualquer edificação urbana, prática comum no nosso país, comete crime ambiental, com pena de detenção que pode variar de três meses a um ano, além de multa.
Mas se o ato for praticado em monumento ou coisa tombada, devido a seu valor artístico, arqueológico ou histórico, a pena de detenção é mais pesada e pode variar de seis meses a um ano, além do pagamento de multa.
Fonte: Lei 9.605/98 - Art 65.
 
Geraldo Garcia Antero em 23/10/2013 11:29:44
Isso é uma coisa ridícula, pessoas desocupadas, por que não vão pintar meio fio, assim a cidade fica mais bonita, do que pintar a casa dos outros, e inclusive na minha casa está pichada, é umas letras estranhas, más já estamos investigando quem fez, pois em nosso bairro temos bastantes câmeras e eu quero ir bem profundo neste caso, eu já sei que quem faz estas palhaçadas são de menores e a maioria skatista , bando de marginais.
 
ROBERTA FARIAS em 23/10/2013 11:27:15
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions