A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Agosto de 2018

18/10/2010 14:39

Polícia indiciará dois jovens por morte de Mayana

Redação

O delegado Márcio Custódio indiciará por homicídio doloso os dois jovens envolvidos no racha que terminou com a morte de estudante Mayana de Almeida Duarte, de 23 anos.

Anderson de Souza Moreno, 19 anos, e o amigo Willian Jhonny de Souza Ferreira, 25 anos, disputavam corrida de carro pela Avenida Afonso Pena, quando o veículo dirigido por Anderson atingiu o Celta que Mayana dirigia pela Rua José Antônio. O acidente ocorreu dia 14 de junho e Mayana faleceu 11 dias depois.

"Há indícios suficientes de que eles (os jovens) agiram com dolo eventual ao praticar em alta velocidade disputa não autorizada, o racha, na Avenida Afonso Pena, desrespeitando semáforos e a sinalização existentes, bem como estar sob efeito de álcool, fatores que culminaram com o acidente", completa o delegado da 1ª DP (Delegacia de Polícia).

Existem três testemunhas presenciais que prestaram depoimento no inquérito. São porteiros de condomínios que ficam perto do local do acidente e viram os jovens disputar corrida e "furar" sinais.

Para o delegado, embora o acidente tenha envolvido o

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions