A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

27/04/2018 14:38

Polícia reforça combate a crimes na rodovia, cidade e campo no feriado

Operações começaram nesta sexta-feira (27) e terminam entre terça e quarta-feira da próxima semana

Guilherme Henri
Policiais rodoviários federais em fiscalização nas rodovias (Foto: Divulgação/ PRF)Policiais rodoviários federais em fiscalização nas rodovias (Foto: Divulgação/ PRF)

Policiais de todas as esferas começam nesta sexta-feira (27) a Operação do Dia do Trabalhador em Mato Grosso do Sul. As ações focam em combater a pesca predatória, coibir infrações no trânsito e com isso evitar acidentes, além de tentar diminuir os índices de criminalidade durante o feriadão.

A operação da Polícia Militar do Estado será estendida até 2 de maio. Durante esses seis dias a PM realizará operações simultâneas nos 79 municípios, operacionalizando barreiras, blitzes e rondas em bairros considerados críticos, com objetivo de diminuir os índices de criminalidade.

PM intensificará ações nos bairros e em lugares de aglomeração de pessoas e veículos (Divulgação/ PM)PM intensificará ações nos bairros e em lugares de aglomeração de pessoas e veículos (Divulgação/ PM)

As unidades operacionais executarão o policiamento ostensivo, preventivo e repressivo, de modo a prevenir a ocorrência de ilícitos e todos os demais atos e fatos que comprometam a segurança dos cidadãos, coloquem em risco a integridade física ou o patrimônio e afetem a paz social.

PRF - Para reduzir o número de acidentes, a Polícia Rodoviária Federal disponibilizará radares e bafômetros em todas as Unidades Operacionais do Estado. As ações se estenderão até a próxima terça-feira (1º). Os policiais concentrarão a fiscalização em locais e horários de maior incidência de acidentes e crimes, de acordo com estatísticas do órgão.

No Estado são 3.670 quilômetros de rodovias federais, 10 delegacias e 22 unidades operacionais da PRF que intensificarão suas atividades durante o feriado.

Policiais militares ambientais atuarão no combate a pesca predatória (Foto: Divulgação/ PMA)Policiais militares ambientais atuarão no combate a pesca predatória (Foto: Divulgação/ PMA)

PMA – Para operação, a Polícia Militar Ambiental contará com efetivo de 300 militares. O término da operação será na quarta-feira (2), às 8h. O foco da fiscalização, como na operação Semana Santa, será a prevenção à pesca predatória, devido ser comum o aumento do número de pescadores praticando pesca nos rios durante os feriados prolongados.

Além da pesca predatória, as 25 subunidades da Polícia Militar Ambiental no Estado intensificarão a fiscalização em suas respectivas áreas. Serão desenvolvidas barreiras e combate ao desmatamento, exploração ilegal de madeira, caça, carvoarias irregulares e outros crimes e infrações ambientais.

Também crimes comuns como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, porte ilegal de armas e outros serão combatidos e prevenidos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions