A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Janeiro de 2018

20/05/2013 20:30

Policiais civis rejeitam proposta final do governo e greve continua

Nyelder Rodrigues
Policiais não concordaram com nova proposta do governo (Foto: João Garrigó)Policiais não concordaram com nova proposta do governo (Foto: João Garrigó)

Os policiais civis de Mato Grosso do Sul vão seguir em greve. A decisão foi tomada por unanimidade durante assembleia realizada nesta noite em Campo Grande.

Antes do encontro entre os policiais na sede do Sinpol-MS (Sindicato dos Policiais Civis), os representantes da categoria, segundo informou a assessoria do sindicato, foram a governadoria ouvir uma contra-proposta.

Pela manhã, também na governadoria, foi proposto pelo governador André Puccinelli (PMDB) que o reajuste previsto para 2015, de 12%, fosse antecipado para 2014.

O acordo foi negado pelos policiais durante a assembleia, já que eles pedem reajuste linear de 25%, enquanto o oferecido pelo Governo do Estado é de 7%. Atualmente, há 1,3 mil policiais civis na ativa no Mato Grosso do Sul.

Nesta terça-feira (21), a greve entra em seu 5º dia. O Tribunal de Justiça (TJ-MS) já considerou a paralisação ilegal e definiu multa diária de R$ 40 mil aos Sinpol caso ela continuasse.

Inicialmente a proposta do governo era de reajuste de 5%, mas subiu para 7% mais a promoção dos 70 policiais da Classe dos Substitutos, primeira das cinco da carreira policial. Além disso, foi oferecido reajuste de 8% em 2014 e 12% em 2015.

Em manifesto, policiais civis começaram bloquearam um trecho da BR-163 entre Caarapó e Dourados, na manhã de hoje. O protesto começou nas primeiras horas da manhã, gerando congestionamento. Por volta das 10h30, a pista foi liberada a pedido do governador.

Em entrevista concedida nesta segunda-feira (20), o governador André Puccinelli afirmou estar magoado com os policiais por iniciarem manifestações e greve, mesmo com as negociações abertas.



Caramba! A proposta do Governo de MS é muito boa! 27% em 03 anos. Nós, do executivo federal, só vamos ter 15% em 03 anos.
 
MARCIO LEMOS em 20/05/2013 22:53:26
Tá magoado tá? imagina a família de quem depende dos policiais...Recebem um salário ridículo, sendo um dos piores do Brasil e ainda tem que ouvir tais baboseiras...Tá na hora dos bandidos tocarem o terror em nossa cidade para ele pedir arrego. Infelizmente a população vai sofrer, mas depois terá eleições para refletir seus votos. Estamos com vcs, sempre!
 
felix tristão em 20/05/2013 22:53:03
Desejo sorte aos policiais tanto civis quanto militares com os respectivos aumentos, merecem bem mais que a nossa tribuna e o serviço é muito mais essencial. Sou minoria em Campo Grande mas tem gente que agradeçe o serviço de vocês pela cidade.
 
Wily Miranda em 20/05/2013 22:29:50
VIRAM A ENTREVISTA QUE ELE DEU? JOGOU O CELULAR DA REPORTER NO CHÃO, QUE VERGONHA QUE FALTA DE RESPEITO !
 
EMERSON DE SOUZA em 20/05/2013 21:38:10
greve sim, quem manda o governador ñ valorizar os PC deste estado. FORÇA GENTE VCS MERECEM MUITO MAIS, POLICIAIS CÍVIS UNIDOS VENCERAM O MAU....
 
Ramão Rodrigues em 20/05/2013 21:26:45
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions