A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 18 de Agosto de 2018

19/06/2010 11:52

Preso outro suspeito de atentar contra senador paraguaio

Redação

A Polícia Nacional do Paraguai prendeu na tarde de ontem outro suspeito de cometer o atentado contra o senador Robert Acevedo, no dia 26 de abril. O homem, identificado como Emiliano Rojas Gimenez, 34 anos, foi preso na cidade de San Lorenzo, próximo à Assunção, junto com dois comparsas, José Omar Caballero, 30, e Demetrio Antonio Dominguez Quinonez, 33.

Eles foram abordados em um bairro da cidade de San Lorenzo e abandonaram o veículo onde estavam. Após perseguição foram presos. Com eles, a polícia paraguaia encontrou uma pistola 9mm e um fuzil com mira telescópica.

Gimenez também é acusado de ser o assassino do traficante Oscar Morel, morto em 10 de março.

De acordo com reportagem do jornal ABC Color, as investigações apontam que Gimenez foi um dos pistoleiros que descarregaram mais de 30 tiros contra a camionete onde estava o senador Acevedo, em Pedro Juan Caballero. Eles mataram seu motorista e o segurança. O senador foi atingido no braço e conseguiu fugir.

Após o atentado, o grupo de pistoleiros se escondeu em território brasileiro por alguns dias. Eles fugiram para Assunção, alguns dias depois, de avião.

Filmagens

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions