A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

20/03/2010 12:50

Projeto da Ceará terá 180m de drenagem de concreto

Redação

O projeto de recuperação da rua Ceará apresentado hoje pelo prefeito Nelsinho Trad (PMDB) aos moradores do Condomínio Cachoeirinha, afetado pela chuva do dia 27 de fevereiro, prevê a instalação de 180 metros de galeria de concreto, além das alças de acesso que já estavam previstas.

De acordo com o secretário municipal de Infraestrutura, Habitação, Transporte e Trânsito, engenheiro eletricista João Antônio De Marco, essa é a principal alteração em relação ao projeto anterior, feito antes do desmoronamento da Ricardo Brandão.

Ele explica que os 180 metros da tubulação de concreto serão instalados no local onde havia o tubo ármico (tubos de metal inferior, que sofrem corrosão pela ação da água). A substituição será em trecho maior que o anterior e vai até depois de uma das alças da Ceará. A previsão é que a obra seja construída em seis meses. Haverá ainda uma praça em frente ao condomínio.

O secretário garante que o novo tubo dará maior vazão à água que o anterior, mas não especifica de quanto será esse aumento. O projeto foi apresentado aos moradores, junto com a garantia de que a estrutura do Bloco J não será afetada. Entretanto, a palavra da Prefeitura não foi suficiente para dar tranquilidade aos condôminos.

"A gente não têm nenhum laudo ou documento oficial que ateste a segurança", reclama o síndico Rodrigo Fernandes. Ele conta que dois dos moradores do bloco J deixaram o prédio após os estragos e outros já informaram a saída, restando apenas dois no local.

A principal preocupação é quanto à segurança. Muitos deles reclamam do aumento nas rachaduras nos apartamentos. Apesar do medo e do transtorno causado pelas obras na Ricardo Brandão, o síndico acredita que o encontro com a Prefeitura abre um canal de negociação.

O prefeito garantiu aos moradores que uma comissão formada por técnicos da Prefeitura com a Defesa Civil irá ficar disponível para responder às dúvidas dos condôminos, sempre de maneira oficial por conta da ação na Justiça sobre o caso.

A ação resultou na determinação judicial de que um perito particular fosse pago pelos moradores para elaborar o laudo sobre a segurança no local. O resultado deve sair em 15 dias.

Receio - Moradora do Bloco J há sete anos e mãe de duas crianças, a consultora de qualidade

Mega-Sena acumula e prêmio no sábado pode chegar a R$ 39 milhões
A Mega-Sena mais uma vez ficou sem vencer na noite desta quarta-feira (13) e, assim, acumulou. O prêmio pode subir para R$ 39 milhões no sorteio do p...
Chuva intensa de meteoros terá pico na madrugada de quinta-feira
A chuva de meteoros Geminídeos – uma das mais intensas e brilhantes do ano – vai ocorrer durante a noite de hoje (13) e a madrugada de amanhã (14) e ...
STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions