A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

18/12/2009 15:39

Publicada aposentadoria de promotor que matou sobrinho

Redação

A edição desta sexta-feira (18/12) do Diário da Justiça de Mato Grosso do Sul traz a publicação da aposentadoria por invalidez de Carlos Alberto Zeolla, autor confesso do assassinato do sobrinho Cláudio Alexander Joaquim Zeolla, em março deste ano.

Com a decisão do Procuradores do MPE (Ministério Público Estadual), Zeolla passará a receber salário integral de aproximadamente R$ 22,1 mil por mês.

Zeolla está preso desde 03 de março, data do crime, ocorrido na área central de Campo Grande.

Laudo médico que resultou na concessão da aposentadoria atestou a incapacidade do procurador para exercer qualquer função pública ou privada.

Exame divulgado pelo Grande News constatou que Zeolla tinha consciência de que praticava um crime quando matou o tiro o sobrinho.

Já o advogado de Zeolla, Ricardo Trad, afirma que o laudo diz que o procurador-afastado possui problemas psiquiátricos, no entanto, tem capacidade de entender o que é um crime e as consequências dele.

O relatório apontou "patologia mental grave incapacitante". Zeolla está em prisão hospitalar na Clínica Carandá.

Indenizações por morte no trânsito crescem 24% em relação a 2016
O número de indenizações pagas pelo Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (Seguro Dpvat) entre janeiro e novemb...
ANS regulamenta novas regras de compartilhamento para planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou duas resoluções normativas na tentativa de dar mais segurança e estabilidade ao mercado de pla...
UFMS recebe inscrições para vários cursos no Vestibular 2018
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions