A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

19/02/2013 17:45

Receita Federal espera 340 mil declarações de IR em MS este ano

Viviane Oliveira e Helton Verão
Delegado da Receita Federal, Flávio, disse que a expectativa é receber 4% a mais que no ano passado.  (Foto: João Garrigó) Delegado da Receita Federal, Flávio, disse que a expectativa é receber 4% a mais que no ano passado. (Foto: João Garrigó)

A expectativa da Receita Federal é receber mais de 340 mil declarações de imposto este ano, o que significa 13 mil a mais que no ano passado, quando foram declaradas 327 mil, em todo Mato Grosso do Sul. A informação é do delegado da Receita Federal, Flávio Barros Cunha, durante coletiva de imprensa na tarde desta terça-feira, em Campo Grande.

De acordo com o delegado, uma das novidades este ano é a inclusão de um link no qual o contribuinte vai optar por reproduzir no Programa as empresas relacionadas em Declarações anteriores – pagadoras ou recebedoras.

Ao clicar na palavra ‘todos’, a relação dessas entidades vai passar a integrar imediatamente o Programa atual, sem a inclusão de qualquer valor, o que deverá ser feito pelo contribuinte conforme a movimentação com cada uma delas.

Outra novidade, é que a Receita vai aceitar que o contribuinte que quiser doar a um dos fundos de ajuda à criança e ao adolescente inscritos no órgão, poderá fazer até 30 de abril, com direito ao abatimento de 3% do total do IR ainda na declaração atual.

Veja as normas - O prazo para entrega vai de 1º de março a 20 de abril. A declaração poderá ser entregue pela internet ou em disquete nas agências da Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil. Estão obrigados a declarar os contribuintes que receberam rendimentos tributáveis cuja soma foi superior a R$ 24.556,65 em 2012. O valor foi corrigido em 4,5% em relação ao ano anterior.

Também está obrigado a declarar o contribuinte que recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40 mil.

A apresentação da declaração é obrigatória para quem obteve, em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas ou obteve receita bruta com a atividade rural superior a R$ 122.783,25.

Quem tinha, até 31 de dezembro de 2012, posse de bens ou propriedade, inclusive terra nua, com valor superior a R$ 300 mil também está obrigado a declarar.

Este deverá ser o último ano de apresentação da declaração simplificada. A Receita Federal pretende concluir o projeto da declaração pré-preenchida e aumentar o número de contribuintes beneficiados.

O projeto inicial do Fisco era atender apenas os contribuintes com uma fonte de renda. Os dados passariam a constar em um documento preenchido previamente pela Receita para ser confirmado pelos contribuintes. A novidade deve começar a valer em 2014.

Receita divulga regras do IR; prazo para entrega começa em 1º de março
A Receita Federal publicou hoje (19) as normas e os procedimentos para o preenchimento da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2013. O prazo ...
Mega-Sena acumula e prêmio no sábado pode chegar a R$ 39 milhões
A Mega-Sena mais uma vez ficou sem vencer na noite desta quarta-feira (13) e, assim, acumulou. O prêmio pode subir para R$ 39 milhões no sorteio do p...
Chuva intensa de meteoros terá pico na madrugada de quinta-feira
A chuva de meteoros Geminídeos – uma das mais intensas e brilhantes do ano – vai ocorrer durante a noite de hoje (13) e a madrugada de amanhã (14) e ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions