A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

21/09/2010 09:32

Semadur quer Capital com 1 árvore por habitante

Redação

No Dia da Árvore, a Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbanístico) lançou uma meta: ter uma árvore por habitante em quatro anos.

Atualmente, a Capital tem 750 mil habitantes e 153 mil espécies, segundo revelou o secretário Marcos Cristaldo.

Hoje de manhã a Semadur inaugurou o Viveiro Flora do Cerrado, localizado na Rua Presidente Lincoln, 316, Jardim Pacaembu, em Campo Grande.

A unidade conta com equipamentos modernos, que produzirão 200 mil mudas por ano.

O secretário afirma que esta é a necessidade de Campo Grande, no entanto, o viveiro tem capacidade para produzir 1 milhão de mudas todos os anos.

Questionado sobre a audácia da meta, Cristaldo explicou que é possível atingir a marca de uma árvore por pessoa porque somente o viveiro produzirá 200 espécies por ano.

Desta maneira, em quatro anos serão 400 mil novas árvores.

O secretário afirma que a cidade está acima da média que a Sociedade Brasileira de Arborização Urbana sugere.

Campo Grande tem 74 metros quadrados de cobertura vegetal por habitante enquanto o índice previsto pela entidade é de 15 metros quadrados.

Com 195 metros quadrados, a região do Segredo tem a melhor cobertura da cidade.

Já a pior, é observada nas regiões Anhanduí e Lagoa.

No Centro de Campo Grande são 72 metros quadrados de cobertura vegetal por habitante.

Distribuição - O secretário ressalta que a Semadur cuidará da distribuição das mudas produzidas pelo viveiro.

A ideia é promover o plantio de acordo com a necessidade de cada região.

Cristaldo destaca que na Capital existem mais árvores das espécies fícus e oiti, portanto, estudo é feito para introduzir outros tipos.

"Se tiver uma praga e determinado lugar tiver só uma espécie acaba com tudo", completa.

A Semadur também criou quatro centros de educação ambiental nas regiões do Sóter, Imbirussu, Lagoa e Cabaça.

Cada morador que procurar as unidades em busca de plantas deve assinar termo de compromisso para garantir o tratamento das árvores, que serão escolhidas conforme a necessidade da região e a disponibilidade de espaço do local.

Temer veta projeto sobre negociação coletiva no serviço público
O presidente Michel Temer vetou integralmente o Projeto de Lei nº 3.831/15, aprovado pelo Congresso Nacional, que estabelecia normas para a negociaçã...
UFMS divulga edital do vestibular para ingresso em cursos de graduação
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) divulgou, nesta segunda-feira (18), edital do processo seletivo do vestibular para ingresso em cu...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions