A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

07/04/2016 11:23

Servidores vão à Assembleia em busca de ajuda para negociar reajuste

Aline dos Santos e Leonardo Rocha
Giancarlo afirma que abono de R$ 200 é afronta.  (Foto: Leonardo Rocha)Giancarlo afirma que abono de R$ 200 é afronta. (Foto: Leonardo Rocha)

Com assembleia-geral marcada para sábado, o Fórum dos Servidores, que representa 40 mil funcionários públicos, quer apoio dos deputados estaduais na negociação do reajuste salarial. Os coordenadores foram hoje (dia 7) à Assembleia Legislativa.

“O abono é uma afronta e não valoriza os servidores. Estamos insatisfeitos”, afirma Giancarlo Correia Miranda, que é um dos coordenadores do fórum e presidente do Sinpol (Sindicato dos Policiais Civis).

Conforme a administração estadual, o abono de R$ 200 proposto aos servidores representa um aumento de 10% para 70% do funcionalismo. Segundo Giancarlo, o último reajuste da maioria das categorias foi em dezembro de 2014.

Neste ano, o pedido é reajuste linear de 16,14%, que corresponde à reposição da inflação dos últimos 17 meses. O levantamento do fórum tem como base o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor).

No sábado, os servidores farão assembleia-geral em Campo Grande. “A tendência é que a maioria rejeite o abono e aprove indicativo de greve”, afirma o sindicalista. A próxima reunião com o governo está marcada para 11 de abril.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions