A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

19/03/2008 14:34

Sinttel procura 200 que esqueceram direitos trabalhistas

Redação

O Sinttel (Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Telecomunicações e Operadores de Mesas Telefônicas no Estado do Mato Grosso do Sul) está vivendo uma situação sui generis: está precisando convocar trabalhadores demitidos de uma empresa, há quase dez anos, para receber direitos trabalhistas. São duzentas pessoas, de um total de 394 beneficiadas pela justiça, que ainda não foram buscar os valores.

As pessoas trabalharam, na década de 90, para a empresa Crecima, uma terceirizada que prestava serviços para a antiga Telems, que foi privatizada. Todos foram demitidos entre os anos de 98 e 99 e o passivo trabalhista não foi pago. Em 2004, a justiça deu ganho de causa ao Sindicato, mas nem todos os trabalhadores buscaram o que tem direito. Há valores baixos, entre R$ 300 e 400,00, mas também há outros que podem chegar a R$ 4 mil.

Do total de 397 beneficiados coma decisão judicial, 200 ainda estão sem receber os valores, que estão parados. Para fazer isso, as pessoas que trabalharam na empresa neste período (98 e 99) devem procurar o Sinttell, que fica na rua José Antônio, 1682, em Campo Grande, levando RG e CPF. No local, é possível conferir a listagem dos beneficiados e fazer os procedimentos para receber os direitos trabalhistas. O telefone é o 3384-2122.

Carro roubado no Rio de Janeiro é recuperado em estrada de acesso ao Paraguai
Um automóvel recentemente roubado no Rio de Janeiro foi recuperado por policiais militares em uma estrada vicinal de Japorã –a 487 km de Campo Grande...
Recesso de fim de ano começa nesta semana no Judiciário e Legislativo
Na reta final de 2017, para alguns servidores a "folguinha" das festas começa mais cedo. Em orgãos Estaduais e Federais de Mato Grosso do Sul, tem re...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions