A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

14/06/2017 08:03

TJ culpa volume de dados por “apagão” em sistema com 748 mil processos

Aline dos Santos
Tribunal de Justiça informa que secretaria trabalha para resolver pendências. (Foto: Arquivo)Tribunal de Justiça informa que secretaria trabalha para resolver pendências. (Foto: Arquivo)

Após o sistema de consulta aos processos ficar dias fora do ar, o TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) aponta que o volume do banco de dados tem estendido o prazo de atualização. São 748.169 processos eletrônicos em primeiro grau. A instabilidade no sistema motiva reclamações da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil) por inviabilizar o trabalho dos advogados.

Conforme o Tribunal de Justiça, no segundo fim de semana de cada mês é realizada atualização do banco de dados, que começa na sexta-feira à meia-noite e tem previsão de finalizar, normalmente, no domingo à noite.

“Ocorre que o Banco de Dados é cada dia maior em volume e isso tem estendido o tempo de atualização. Além disso, após uma atualização se completar, algumas funcionalidades do sistema tem apresentado instabilidades momentâneas, que não comprometem a movimentação processual, mas sem dúvida causam desconforto ao usuário. A STI [Secretaria de Tecnologia da Informação] está trabalhando para resolver essas pendências”, informa o tribunal.

A reportagem verificou que o sistema ficou fora do ar de sábado (dia 10) até a manhã de terça-feira (dia 13). Segundo o tribunal, o sistema ficou indisponível até às 20h de segunda-feira e os prazos foram prorrogados.

A Justiça estadual utiliza o modelo e-SAJ e tem prazo para migrar para o PJE (Processo Judicial Eletrônico), adotado pelo CNJ (Conselho Nacional de Justiça).

“Pedimos providência para estabilizar o sistema, que tem problemas há mais de três meses. Vamos analisar a capacidade instalada porque desconfiamos que o sistema não suporta. Pedimos aqui, primeiramente, mas se não for atendido, vamos a outras instâncias”, afirmou, ontem, o presidente da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil), Mansour Elias Karmouche.

Sancionada lei que amplia licença paternidade para as Forças Armadas
O presidente da República em exercício, o ministro do Supremo Tribunal Federal Dias Toffoli, sancionou hoje a lei que aumenta de cinco para 20 dias a...
Fies abre inscrições para vagas remanescentes
Estão abertas, a partir de hoje (24), as inscrições para as vagas que não foram preenchidas no processo seletivo regular do Fies (Fundo de Financiame...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions