A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

01/08/2011 15:13

TJ manda devolver a fiscais de renda desconto de contribuição sindical

Marta Ferreira

O Sindifisca (Sindicato dos Fiscais de Rendas do Estado de Mato Grosso do Sul) conseguiu, na Justiça, decisão liminar determinando a devolução dos valores descontados dos salários da categoria de julho, que já foram pagos, a título de contribuição sindical. O desconto de um dia de trabalho foi feito para todos os servidores públicos estaduais, em atendimento a acordo judicial do governo do Estado com a Feserp (Federação Sindical dos Servidores Públicos Estaduais e Municipais de Mato Grosso do Sul).

A Federação moveu ação contra o governo do Estado pedindo o recolhimento da contribuição sindical, que é previsto em lei, e foi celebrado um acordo prevendo o início para este mês, o que já se concretizou.

A decisão - No dia 28, quando a folha já estava fechada, o Sindifisca entrou com pedido de mandado de segurança, que foi concedido, no dia 29 de julho, pelo desembargador Josué de Oliveira. A entidade sindical já havia tentado impedir o desconto anteriormente via judicial, sem sucesso.

O procurador-geral do Estado, Rafael Coldibelli, informou que a notificação da decisão liminar chegou hoje e que a Secretaria de Gestão está sendo comunicada para providenciar o cumprimento da decisão.

O mandado de segurança foi impetrado contra a Fersep mas como envolve o Governo do Estado, ele foi notificado para cumprir a determinação e, se quiser, fazer parte do processo.

O magistrado também deu prazo de 10 dias para as entidades prestem informações sobre o assunto, como parte do andamento da ação até o julgamento definitivo.

Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...


Acho engraçado que estes senhores concedem descontos em folha sem sequer comunicar os envolvidos, pois ficamos sabendo uns dois dias antes do desconto. Outra questão é , nunca termos ouvido falar desta federação.......daqui a pouco vamos estar pagando para qualquer um que entre com liminar.....e o pior sem sabermos.......é uma vergonha termos q sustentar este pessoal, que sequer sabe de nossa existência, está me parecendo mais um cabide de empregos......lamentável
 
Cláudio Roberto de Oliveira em 01/08/2011 09:23:28
Isso è ditadura dos sindicatos que nunca me fizeram nenhum favor!!!
 
Carlos d'Amore em 01/08/2011 06:54:00
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions