A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Outubro de 2017

14/07/2009 12:53

Turma Criminal solta cabo da PM envolvido com a jogatina

Redação

A 2ª Turma Criminal do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) concedeu habeas corpus para o cabo da Polícia Militar, Marcos Massaranduba, preso no dia 20 de maio deste ano na Operação Lãs Vegas. O alvará de soltura já foi cumprido e o policial já deixou o presídio militar de Campo Grande, onde estava detido com o capitão Paulo Roberto Teixeira Xavier, acusado de ser o braço direito do major Sérgio Roberto Carvalho.

O pedido de hábeas corpus foi concedido ontem pela 2ª Turma Criminal. Em depoimento à Auditoria Militar de Justiça, o cabo mudou o depoimento prestado à Polícia Federal e afirmou que não conhecia a gerente dos escritórios da quadrilha, Nedina Pereira da Silva. O cabo disse que ficou cerca de nove horas na delegacia, sem almoço e, por este motivo, disse que conhecia Nedina.

Conforme a denúncia do MPE (Ministério Público Estadual), o cabo atuava auxiliar do capitão, que era gerente de logística e segurança da organização chefiada pelo major Carvalho.

Outros

Após quatro meses de formação, Corpo de Bombeiros recebe 62 novos cabos
O Corpo de Bombeiros ganhou nesta sexta-feira (20) 62 novos cabos, formandos no curso que iniciou no dia 26 de junho e que receberam a nova patente e...
No 3º concurso da semana, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 11,5 milhões
A Mega-Sena poderá pagar R$ 11,5 milhões a quem acertar as seis dezenas do concurso 1.980 e ganhar o prêmio principal da loteria, que será sorteada n...
Ministra diz que portaria sobre trabalho escravo destrói Lei Áurea
  A ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Valois, afirmou que a portaria do Ministério do Trabalho que altera a conceituação de trabalho escravo e...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions