A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

21/02/2016 16:02

UFMS cria comissão para ações em escolas contra o Aedes Aegypti

Leonardo Rocha
Comissão da UFMS fez primeira reunião na semana passada (Divulgação - UFMS)Comissão da UFMS fez primeira reunião na semana passada (Divulgação - UFMS)

A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) montou uma comissão para definir ações e atividades em escolas públicas, no combate ao mosquito Aedes Aegypti. A instituição foi convidada pelo Ministério da Educação a fazer parte da campanha e mobilização contra dengue, chikungunya e zika vírus.

A primeira reunião deste grupo ocorreu na semana passada, sendo composto pelo Pró-Reitor de Extensão, Cultura e Assuntos Estudantis, professor Valdir Souza Ferreira e dos professores Carla Cardozo Arruda (Biologia), Ivo Leite Filho (Química), Mariana Stocchero (Música), Soraya Solon (Farmácia) e Vanderléia Mussi (História).

Estas atividades terão a participação além dos professores, também de acadêmicos da UFMS e estagiários de projetos de extensão, que vão realizar capacitações, oficinas e ações, com a missão de serem multiplicadores de informações sobre prevenção e combate ao mosquito, tanto nas escolas municipais, como estaduais.

Na última sexta-feira (19) foi lançada em Campo Grande, assim como em todo país, a campanha “Zika Zero”, que tem como intenção incluir a educação e assistência social nesta mobilização, que já conta com o setor da saúde. O trabalho será de conscientizar os profissionais (educação) e alunos, para que estes façam trabalhos de prevenção em suas residências e de seus familiares.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions