A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

01/07/2009 13:16

Uniderp decide manter recesso de julho para professores

Redação

Depois de acionarem o sindicato, os professores da Uniderp/Anhanguera conseguiram manter o direito ao recesso de julho. O gerente de recursos humanos da universidade, Carlos Leite, foi quem garantiu que o período de férias ao corpo docente será respeitado.

Na semana passada, os professores da instituição receberam um comunicado de que, durante o recesso, seriam responsáveis pela preparação das atividades acadêmicas para o segundo semestre entre outras. Revoltados, eles pediram a intermediação do Sintrae (Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino no Mato Grosso do Sul).

Durante as conversas, a direção da universidade esclareceu que, em julho, haverá duas atividades de planejamento pedagógico, uma obrigatória, de 9 a 15 e outra, optativa, de 16 a 28, aberta a toda comunidade acadêmica.

Segundo Carlos Leite, os professores terão 13 dias de recesso, já que a segunda programação não é obrigatória.

O presidente do Sintrae, Ricardo Froes, lembra que, durante o período de recesso em junho, os professores são obrigados a exercer somente atividades ligadas aos exames, e que qualquer outro trabalho exigido pela instituição de ensino tem de ser devidamente remunerado.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions