ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUINTA  09    CAMPO GRANDE 13º

Cidades

Universidades suspendem aulas por causa da greve dos caminhoneiros

Três instituições divulgaram comunicado alertando para cancelamento das aulas de amanhã; falta de combustível afetou calendário

Por Liniker Ribeiro | 27/05/2018 14:52
Uniderp está entre universidades que cancelaram aulas desta segunda-feira (Foto: Arquivo/Paulo Francis)
Uniderp está entre universidades que cancelaram aulas desta segunda-feira (Foto: Arquivo/Paulo Francis)

Universidades de Campo Grande suspenderam as aulas desta segunda-feira (28), por conta da paralisação dos caminhoneiros - que vem afetando diversos setores e dificultando o abastecimento em postos de combustíveis. Anhanguera, Uniderp e UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) divulgaram nota informando a suspensão.

Ambas as instituições apontaram as dificuldades para deslocamento dos alunos e, em alguns casos, dos funcionários, como motivo da medida ter sido adotada. De acordo com a assessoria de comunicação da Anhanguera, além das aulas, também não haverá funcionamento de departamentos administrativos, nem atendimentos na Clínica de Fisiterapia.

Na Uniderp, incluindo a unidade das Agrárias, os serviços administrativos também foram suspensos, assim como as clínicas - como de odontologia, fisioterapia e psicologia - que também prestam serviço para população, não funcionarão. O mesmo acontece com a clínica veterinária.

Por nota, a UFMS revelou a suspensão das aulas e das atividades avaliativas de graduação e de pós-graduação. No caso de eventos, defesas de pós-graduação e demais ações previamente programadas, a decisão de continuidade ou não deve ser tomada pela equipe responsável pela ação. Diferente das outras universidades, as atividades administrativas serão mantidas.

Os alunos, segundo informou as instituições, estão sendo comunicados por meio de mensagens e-mails. Até o momento, a suspensão vale apenas para amanhã, mas alterações podem ocorrer também na terça-feira (29).

Na UCDB (Universidade Católica Dom Bosco), as aulas estão mantidas. Porém, de acordo com comunicado da instituição, não serão aplicadas provas ou avaliações, nem contabilizadas faltas, sem prejuízos ao calendário acadêmico. Alunos da Unigran afirmam que, até o momento, não foram avisados de uma possível suspensão, estando as aulas mantidas.