A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017

27/06/2009 12:18

Usina alega que vazamento de vinhaça foi 'irrelevante'

Redação

A Usina Vista Alegre Açúcar e Álcool Ltda. enviou nota oficial de esclarecimento sobre o vazamento de vinhaça ocorrido no dia 19 de maio deste ano em Maracaju, município distante 163 quilômetros de Campo Grande, caracterizando a situação como 'incidente irrelevante' do ponto de vista ambiental. A unidade foi multada em R$ 80 mil pela PMA (Polícia Militar Ambiental) por derramar o produto em área de preservação permanente.

De acordo com a empresa, a causa do vazamento foi o rompimento de uma manta que reveste o tanque de vinhaça, e o recipiente foi construído exatamente para uma 'eventualidade' como essa. Mas, garante que foi um pequeno volume de vinhaça que atingiu a área de preservação permanente, sem provocar danos.

A empresa garante que o tanque já foi reparado e a usina está em plena capacidade operacional, aguardando o término das chuvas para retomar a produção. Uma comissão interna de investigação foi formada para detectar as causas do vazamento, para que ele não ocorra novamente.

O comunicado oficial foi assinado pelo diretor superintendente da Vista Alegre, Josmar Verillo. Além da multa aplicada pela PMA, os empresários responsáveis pela empresa deverão responder pelo crime ambiental.

Estrutura - Com início das operações em maio deste ano, a empresa emprega 1.400 funcionários e garante que opera dentro das normas ambientais internacionais e possui as licenças emitidas pelo Estado.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions