A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

20/11/2009 14:28

Veado atropelado poderá ser solto na natureza em 10 dias

Redação

O Veado-catingueiro que ficou ferido após ser atropelado ontem no Jardim Centenário, em Campo Grande, poderá ser reintroduzido na natureza nos próximos 10 dias, segundo o Cras (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres), onde o animal é tratado.

Contudo, ainda não se sabe onde ele será solto, apenas confirmado que a espécie, que está ameaçada de extinção, pertence à Bacia do Rio Paraná, por isso deverá ser solta nessa região.

Álvaro Cavalcanti, um dos veterinários do Cras que acompanham o animal, explica que ele está agora em um recinto maior do que ontem, e permanece em uma área de meio hectare.

Após dar entrada no local, ele precisou ser submetido a procedimento de sutura no maxilar, que ficou ferido com o atropelamento. A condição para que ele seja solto em dez dias é que o ferimento esteja curado.

O animal permanece em uma área com outro veado, que está no Centro há cinco meses, e chegou no local ainda filhote. Este, contudo, não tem previsão de soltura porque é mais doméstico, diferente do atropelado ontem.

Como o outro animal está no Centro há meses, e muitos animais nas mesmas condições chegam ao local, o Cras não soube informar de onde veio esse outro veado.

O Centro não permitiu que sejam feitas fotografias de nenhum dos dois animais, porque eles estão em área onde é proibida a entrada de estranhos.

Incomum - Após ser atropelado, na manhã de ontem (19), em uma rua do Jardim Centenário, o veado foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para receber tratamento no Cras. Não há informações sobre quem estaria com ele, nem como foi parar em um bairro da Capital.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions