A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 25 de Setembro de 2017


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


25/05/2016 10:59

Acontecimentos atuais têm enfoque local razoável

Reinaldo Rosa

PASSA LÁ – Jornalista Carmen Cestari sai de cena da imprensa falada e televisada. Decisão em família mudou sua rota para o campo do empreendedorismo. Na escrita fica apenas com a Rural Business, agência de notícias especializada em agronegócio.

RVSP – Para a inauguração dos novos negócios, através desta Coluna, Carmen convida amigos apreciadores para um dia de carne assada. O endereço: Av. Mascarenhas de Morais, esquina com Rua do Rosário, em frente ao Comper Ipê.

VI PRIMEIRO - ‘Noticidade’, na Cidade FM, está no ar desde 2004, tempo considerável para registrar audiência cativa a interessados em formação de opinião. Um dos precursores rádio jornalismo no meio do dia, o informativo segue com Rodrigo Nascimento que cobre período de férias do titular Cadu Bortolot.

EM DOSES – Douradense Rubens Valente faz crescer circulação da Folha de São Paulo. Emissoras de rádio e redes de televisão repercutem gravação de cerca de cinco horas de delação de Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro.

EM CIMA – A TV Morena ao trocar a exibição da novela das nove – após o futebol às quartas-feiras – permite ao telespectador assistir aos jogos em sua íntegra. Demorou, mas aconteceu uma medida de solução simples.

VAPT VUPT - Master Chef emociona pela eliminação de Gleice. Em Campo Grande, o ‘Sabor Brasil’ surpreende pelos econômicos frames no ‘MSTV 1ª’, da TV Morena. Disputa com as andanças da Tocha de Carlos Nuzman a matéria de menor tempo no ar. É a nossa TV.

FORA DO AR – Como biruta ao comando de novos ares, o radialista Marçal Filho, de Dourados, comanda programa em busca de ninho salvador na política local. Mesmo com forte esquema e audiência da emissora que comanda, não consegue resultados positivos para sua sonhada indicação para substituir Murilo Zauith.

A QUEM INTERESSA – Insuportável. Palavra mais suave para classificar as tardes de domingo na TV Guanandi, afiliada da Band. Programas (?) de pegadinhas e ‘Risos’ servem apenas como calhau à espera de Pânico e ‘Canal Livre’. Com a crise financeira da Band espectador sofre as consequências.

SIRVA-SE – Enquanto isso, no cardápio de outras emissoras, opções como ‘Eliana’, ‘Faustão’, ‘A Hora do Faro’. Bom proveito.

O adeus a um dos pioneiros da televisão em MS
AUSÊNCIAS – Na semana passada, Gilberto Carvalho Vargas, o Gibão, morreu em consequência de pneumonia e falência renal. Passou pela rede Globo, de on...
Quadro 'preso' dá oportunidade a falas oportunistas na tevê
FALANDO AO ELEITOR – No prende-e-solta da cadeia quadro polêmico de artista plástica mineira, surgem os oportunistas de plantão. O apresentador Maurí...
Entrevista na rádio ganha tom de pregação
TANGENTES – Entrevistas, realmente, não mantém expectativas de interesse do ouvintes do rádio jornalismo. Fala do deputado Rinaldo Modesto, no 'Tribu...
Celular vira 'muleta' para apresentadores da televisão
PRAGA – Telefone celular é fato que veio pra ficar –e deseducar-. Jornalismo falado e televisivo usam e abusam do aparelhinho para encher a linguiça ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions