A notícia da terra a um clique de você.
 
07/11/2018 09:30

Comer passas e gestos que evitam a perda da audição

Mário Sérgio Lorenzetto
Comer passas e gestos que evitam a perda da audição

Pode ser divertido vê-los nos programas humorísticos da televisão, mas é muito difícil levar uma vida sem audição. Aproximadamente 10 milhões de brasileiros - 5% da população - perdeu a capacidade de ouvir e muitos podiam ter evitado.

Comer passas e gestos que evitam a perda da audição

Um pouco de silêncio, por favor.

Nunca podemos esquecer que o excesso de ruído é o principal fator de risco para a saúde auditiva. Por isso, é necessário deixar descansar os ouvidos durante um bom tempo no dia. Mas qual é o tempo de descanso necessário? Ha diferentes estudos que coincidem que aproximadamente duas horas de descanso auditivo são necessários para ter um efeito relaxante capaz de melhorar funções cerebrais. Busque um lugar tranquilo em tua casa ou fora dela, um lugar onde isolar-se do mundo.

Comer passas e gestos que evitam a perda da audição

Infecções: não espere que passem sozinhas.

As patologias auditivas aumentaram nos últimos tempos. Em crianças, são frequentes as "otites médias agudas": aos 5 anos, mais de 90% das crianças tiveram pelo menos uma. E pior: 30% as têm de maneira recorrente. Em adultos é mais habitual a "otite externa". Em ambos casos é importante tratá-las de maneira precoce, quer dizer, quando comecem os sintomas. A consequência do não tratamento é tornar a otite em um mal crônico e pode chegar até a perda da audição. Os especialistas recomendam fazer uma revisão auditiva pelo menos uma vez ao ano, especialmente após os 50 anos.

Comer passas e gestos que evitam a perda da audição

Evite o abuso destes medicamentos.

Vários estudos demonstraram que o abuso de determinados medicamentos se associa com a perda auditiva, tanto em homens como em mulheres. Se trata de medicamentos habituais como ibuprofeno, ácido acetilsalicílico, azitromicina, acitretina, amikacina, zidovudina, zalcitabine, vincristina, vinblastina sulfato, vancomicina e ácido valproico.

Comer passas e gestos que evitam a perda da audição

Coma mais passas, peixes e lácteos.

Determinados alimentos protegem os ouvidos pelo seu alto conteúdo em ácido fólico e vitamina B1, elementos que são chave para controlar a perda de audição em determinadas idades. Este é o resultado de pelo menos dois estudos. O da Universidade de Sidney, na Austrália, incide na importância de comer peixes por sua alta quantidade de ômega 3. Recomendam consumir peixes ao menos duas vezes por semana. O segundo estudo, publicado na "Frontiers in Molecular Neurosciense", realizado por cientistas espanhóis, diz que a suplementação dietética com passas, peixes, cenouras, lácteos e melões - ricos em zinco - melhoram as defesas. Já as os feijões, espinafre, berinjela e alho - ricos em vitamina B1 - ajudam a regenerar as células do ouvido e o nervo auditivo.



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.