ACOMPANHE-NOS    
MARÇO, SEGUNDA  08    CAMPO GRANDE 30º

Em Pauta

Falta vacina até para países ricos, também não há transparência

Por Mário Sérgio Lorenzetto | 26/01/2021 07:30
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

O Brasil viverá, pelo menos, 30 a 40 dias sem vacina contra a covid-19. No momento, essa é a previsão mais otimista. Caso não cheguem os insumos (IFA) da China ou da Índia nesta semana, o tempo sem vacinação será ainda mais alargado. A principal crise não é só diplomática, decorre principalmente da escassez mundial de vacinas.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

O calendário das vacinas na Europa está atrasado.

A Europa declarou guerra às empresas fornecedoras das vacinas. A Pfizer e a AstraZeneca estão recebendo uma enxurrada de críticas europeias. Aventam a possibilidade de processar a Pfizer. Essa empresa comunicou os europeus, de forma repentina, um descenso temporal nos envios de sua vacina devido a uma reestruturação de sua fábrica localizada em Puurs, na Bélgica. Há poucos dias, foi a vez da AstraZeneca. Essa vacina ainda será aprovada na Europa, mas assustou a Europa ao anunciar um atraso na entrega das doses, sem dar maiores explicações.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Estão exigindo transparência nos contratos.

Você conhece o contrato da Coronavac com o Butantan? Leu o contrato da AstraZeneca com a Fiocruz? A resposta é simples: ninguém conhece esses contratos. Não sabemos quais os prazos escritos nesses papéis. Em verdade, nem mesmo sabemos ao certo quanto custa cada dose de vacina, apenas ouvimos dizer. Na Europa, devido ao atraso na entrega das doses, foi dado início a um amplo movimento exigindo transparência dos contratos. Como no Brasil, ninguém leu as datas de entrega das doses, assim como não se sabe ao certo quanto custam. O fato é que somente 2% das populações europeias receberam vacina.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Os municípios brasileiros  estão escondendo os dados da vacinação.

Não há como comparar com o Brasil. Não temos a mínima ideia de quantas pessoas foram vacinadas. Os municípios estão escondendo essa informação. É muito difícil crer que não consigam alimentar o banco de dados nacional com os dados vacinais, uma prática corriqueira em todas as campanhas de imunização. Como era esperado, há uma multidão de fura-filas. Alguns se gabam da ausência de caráter. Dada a eterna bagunça, é de duvidar que não existam fura-filas em todos os municípios. Quando se trata de bagunça e malandragem, atingimos percentuais elevados.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário