ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEGUNDA  08    CAMPO GRANDE 20º

Em Pauta

O uso do ar-condicionado engorda os humanos

Por Mário Sérgio Lorenzetto | 31/07/2022 10:01
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Não existe um estudo científico que demonstre diretamente que o uso de ar-condicionado engorda. O que está comprovada é a relação entre temperatura e apetite. Quanto maior a temperatura que sentimos, menor o apetite. Assim, parece óbvio que se vivemos, e comemos, com ar-condicionado, comeremos mais e, consequentemente, engordaremos mais.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

A cada grau a mais, reduzimos 85 kcal de alimentos.

Essa relação entre temperatura e apetite foi comprovada em múltiplas pesquisas. A mais antiga, de 1.963, foi realizada com ratos que quando expostos a uma temperatura de 35 graus Celsius, os animais comeram só 10% do que haviam consumido aos 24 graus. Quando elevaram a temperatura a 40 graus, os ratos deixaram de comer completamente. A mais famosa, todavia, é a pesquisa de Birmingham, nos EUA. Demonstrou que para cada grau de aumento da temperatura ambiente, os participantes na pesquisa, desta vez seres humanos, comiam 85,9 kcal menos de alimento.

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Os vilões da obesidade.

Como boa parte da população mundial vive sob ar-condicionado e calefação, os gastos metabólicos diminuem. Corpo com pouco gasto metabólico tende a engordar. A esse fator, passaram a denominar de "sedentarismo térmico". Esse tipo pouco difundido de sedentarismo deve ser colocado lado a lado com o consumo excessivo de alimentos processados, dizem os cientistas. Outro vilão é o consumo excessivo de de anti-histamínicos, antidepressivos e anticonceptivos. A vida mais cômoda e mais fácil, ao que parece, nos engorda.

Nos siga no Google Notícias