A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 23 de Junho de 2018


  • Finanças & Investimentos
  • Finanças & Investimentos

    Emanuel Steffen - www.mayel.com.br


30/05/2014 15:05

Como reduzir os juros de uma dívida

Por Emanuel Gutierrez Steffen (*)

Para saldar uma dívida o mais rápido possível, você precisa garantir que uma parte menor do seu dinheiro seja destinada a pagar os juros e que a parte maior seja destinada a pagar o principal da dívida. Uma maneira de conseguir isso é fazer pagamentos de parcelas maiores do que o mínimo mensal. Outra forma é procurar obter de uma taxa de juros mais baixa.

Por menor que seja a redução que você venha a conseguir na taxa de juros, isso significará mais dinheiro disponível para o pagamento de sua dívida todos os meses. Uma economia de R$ 100 ou R$ 200 por mês pode não parecer muito, mas destinar esse valor para o pagamento de sua dívida pode ser de grande ajuda. Quanto maior for sua parcela, maior a economia obtida com a redução dos juros.

Veja, a seguir, algumas sugestões para reduzir os juros de suas dívidas e, com isso, acelerar sua quitação.

1 - Solicite uma taxa de juros mais baixa à instituição financeira ou operadora do cartão de crédito. É simples assim. Ligue para o serviço de atendimento ao cliente e diga que você está fazendo uma pesquisa e comparações por melhores condições. Se você tiver recebido uma oferta pré-aprovada para um cartão de crédito com uma taxa de juros menor, informe-os sobre essa oferta e talvez a empresa de seu cartão de crédito atual possa igualar os termos. O mercado de cartões de crédito é muito competitivo, por isso, com frequência, um pedido de redução dá resultado.

2 - Priorize suas dívidas conforme a taxa de juros. Para reduzir ao mínimo os juros que você paga, concentre-se em pagar o mais rapidamente possível o total das dívidas que apresentam as taxas de juros mais altas. Mantenha todas as suas contas em dia, pagando pelo menos o valor mínimo mensal de cada uma. Concentre-se em pagar todos os meses o valor máximo que você puder das dívidas que têm os juros mais altos.

O que você está esperando? Ligue já para seus credores e peça para baixarem suas taxas de juros! Você não tem nada a perder. Ao contrário, tem muito a ganhar! Até á próxima!

Fonte de informações: consumidorconsciente.org

Disclaimer – A informação contida nestes artigos, ou em qualquer outra publicação relacionada com o nome do autor, não constitui orientação direta ou indicação de produtos de investimentos. Antes de começar a operar no SFN - Sistema Financeiro Nacional o leitor deverá aprofundar seus conhecimentos, buscando auxílio de profissionais habilitados para análise de seu perfil específico. Portanto, fica o autor isento de qualquer responsabilidade pelos atos cometidos de terceiros e suas consequências.

(*) Emanuel Gutierrez Steffen– Criador do portal www.manualinvest.com

Como funcionam os ciclos econômicos?
Como funciona um ciclo econômico? Ele se divide em duas fases que se alternam. Na mais longa, a de expansão, a economia cresce até atingir um novo pi...
Congelamento e tabelamento de preços não funcionam
O governo quer fixar o preço do diesel nas bombas de combustível, e quer também tabelar o frete dos caminhoneiros. Existem vários motivos que demonst...
Soluções fáceis e rápidas que nada resolvem
A atual greve dos caminhoneiros traz à tona uma verdade sobre o povo brasileiro: adoramos soluções que, na realidade, não são soluções de fato. Ideia...
Passo a passo para começar o investir
Vivemos em um país débil em educação financeira. Nesta área, o que define o brasileiro é o seu descontrole em dívidas no cartão de crédito e a opção ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions