ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SEGUNDA  01    CAMPO GRANDE 19º

Direto das Ruas

Enxurrada invadiu casas e destruiu ruas em bairros da Capital

Depois de estiagem de oito dias, choveu quase 30% do total esperado para todo mês de março

Por Tainá Jara | 29/03/2020 09:32
Rua Manoelita Alves, no Bairro São Conrado, ficou destruida com água da chuva (Foto: Direto das Ruas)
Rua Manoelita Alves, no Bairro São Conrado, ficou destruida com água da chuva (Foto: Direto das Ruas)

A chuva ocorrida na tarde deste sábado, depois de oito dias de estiagem, causou transtorno para os moradores de Campo Grande. Além de casas invadidas por água da chuva, ruas sem asfalto foram destruídas pela força da enxurrada. Choveu ontem quase 30% do total esperado para todo o mês de março e trovoadas estão previstas também para este domingo.

A reportagem do Campo Grande News registrou problemas em pelo menos três bairros da Capital. No Jardim São Conrado, a administradora, Daiane Lopes, de 28 anos, registrou a situação na Rua Manoelita Alves, por volta das 19h.

Sem asfalto, a via ganha uma vala nas vezes que chove forte. “Essa rua corta o bairro. Então a enxurrada vem muito forte. Não tem cascalhamento. Geralmente, só passam a patrola”, explicou a moradora.

Desta vez, segundo ela, a água da chuva, de cerca de 1h30, atravessou o canteiro da Avenida Prefeito Lúdio Martins Coelho, onde a rua termina. Na manhã de hoje, rastro de destruição foi verificado pelos moradores.

Problemas em rua sem asfalto, também foi verificado na Vila Bondon, na região oeste da Capital. Próximo ali, no Jardim Aeroporto, a água da chuva chegou a invadir casas atingindo a mobília dos moradores. Na região sul, a água subiu ao ponto de deixar ruas alagadas na Vila Piratininga.



Direto das Ruas – A imagem chegou ao Campo Grande News por meio do Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.