A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

12/10/2016 17:31

Há dois dias, ave chama a atenção em pátio de supermercado

Adriano Fernandes
A ave estava sobra grades de uma dos restaurantes da praça de alimentação do Comper. (Foto: Direto das Ruas) A ave estava sobra grades de uma dos restaurantes da praça de alimentação do Comper. (Foto: Direto das Ruas)

Desde a manhã de terça-feira (11), uma presença ilustre chama a atenção de quem passa pela praça de alimentação do Comper Jardim dos Estados, na rua Ceará. Entre as grades de contenção em cima de um dos restaurantes, uma ave de cor preta, cuja a espécie ainda é desconhecida, se mostra bem a vontade com o ambiente muito diferente do seu habitat natural.

Um registro do animal foi feito pela professora Nelma Josino Leornardi, de 52 anos, durante o almoço desta quarta-feira (12). Segundo ela, além da beleza o animal chama atenção pelo porte.

“Eu tinha ido almoçar quando notei várias pessoas tirando foto dela. O pássaro deve ter meio metro de altura, mas estava tranquilo. A impressão é de que ela não sabia como sair de dentro do supermercado”, comentou a professora.

Funcionários da lojas confirmaram que a ave está no local desde o inicio da manhã de ontem (11), mas não tem detalhes de outra cor entre as penas,  a não ser a cor preta e também não tem um canto muito alto.

A ave é toda preta e sua espécie dividiu a opinião de biólogas. (Foto: Direto das Ruas) A ave é toda preta e sua espécie dividiu a opinião de biólogas. (Foto: Direto das Ruas)

Entre ambientalistas a espécie da ave dividiu opiniões. De acordo com a bióloga e mestre em ecologia e conservação, Silvia Gervásio, o animal poderia ser uma gralha-do-Pantanal. “É uma espécie que pode, eventualmente ocorrer por aqui. Ela também é toda escura, tem cerca de 40 centímetros, mas costumam ser bem barulhentas”, pontua.

A também bióloga e doutoranda em Meio Ambiente e Desenvolvimento Regional Sustentável, Simone Mamede também apontou mais três possibilidades: um Jacu, um Arancuã ou uma Jacupemba.

“O que dá para perceber é que se parece com um Jacu. Família dos cracídeos, mas também poderia ser uma destas outras duas possibilidades. Levei em conta o tamanho dela”, explica a especialista.

A reportagem entrou em contato com a PMA (Polícia Militar Ambiental) que informou ir ao local fazer a retirada da ave.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions