A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Abril de 2019

29/10/2018 07:34

Leitora denuncia foto tirada da urna durante voto para presidente

Print mostra que foto urna foi postada no instragram. Autora da imagem afirma que não sabia da ilegalidade do ato

Izabela Sanchez
Print de postagem no instagram mostra foto da escolha de presidente (Reprodução)Print de postagem no instagram mostra foto da escolha de presidente (Reprodução)

Uma leitora denunciou ao Campo Grande News uma foto tirada das urnas, em Campo Grande, durante as eleições para governador e presidente neste domingo (28). A imagem tirada foi postada na rede social instagram por uma cabeleireira, durante a escolha do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

O ato é ilegal desde 2009. O artigo 91-A da Lei das Eleições prevê que “fica vedado portar aparelho de telefonia celular, máquinas fotográficas e filmadoras dentro da cabina de votação”. O artigo 312 do Código Eleitoral afirma que “violar ou tentar violar o sigilo do voto” prevê pena de detenção de até dois anos.

A cabeleireira, que preferiu não ser identificada, afirma que não sabia da ilegalidade do ato. “Eu tirei do voto, em momento algum me falaram não podia. Não sabia. Na hora que eu entrei na sala, eu estava com o celular na mão e não me falaram nada, eu não sabia”, comentou.

Direto das Ruas - A foto chegou ao Campo Grande News por meio do Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions