A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

13/11/2014 17:41

Leitores se revoltam e denunciam infrações de trânsito nas escolas

Adriano Fernandes
Em frente a outra escola na 13 de Maio, motorista demarcou vaga com cones.(Foto:Direto das Ruas)Em frente a outra escola na 13 de Maio, motorista demarcou vaga com cones.(Foto:Direto das Ruas)
Mesmo por pouco tempo, veículo parado em frente a garagem ainda configura infração de trânsito.(Foto:Direto das Ruas)Mesmo por pouco tempo, veículo parado em frente a garagem ainda configura infração de trânsito.(Foto:Direto das Ruas)
O que era pra ser apenas um pedido, terminou em discussão em frente a escola Ativa Idade.(Foto: Direto das Ruas)O que era pra ser apenas um pedido, terminou em discussão em frente a escola Ativa Idade.(Foto: Direto das Ruas)

Em frente de duas escolas da Capital, motoristas estacionam na frente dos acessos de garagem e até mesmo demarcam vagas com cones de sinalização. Segundo leitores, a situação ocorre principalmente nos horários de entrada e saída dos alunos.

Um estudante, que se identificou apenas como Roberto, registrou em frente ao Colégio Raul Sans de Matos, na Rua 13 de Maio, no Bairro Santa Dorotheia, vaga de estacionamento demarcada por cones. De acordo com o CTB (Código de Trânsito Brasileiro), o ato é infração gravíssima de trânsito e multa no valor de R$ 127,00 e que pode ser agravada em até cinco vezes, ficando a critério da autoridade de trânsito conforme o risco a segurança.

Na Rua 25 de Dezembro, no Bairro Monte Castelo, o estudante Riverson Tavares, 23 anos, relatou que diariamente ocorre no local, a parada de veículos em frente às garagens. Com isso o acesso fica impedido, gerando revolta e transtornos nos transito do local. "Recebemos até xingamentos", diz.

“Não é porque é região Central, que não moram pessoas.Que ensinamentos dão esses pais aos filhos?”, comentou. A multa por estacionar em frente de garagens é infração média e custa R$ 85,12, com perda de quatro pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e remoção do veículo.

Outro flagrante gerou revolta e acabou em discução entre dois condutores, em frente a escola Ativa Idade, na rua Doutor Zerbini, 243, no bairro Chácara Cachoeira. De acordo com o pai de uma aluna que estuda na escola, todos os dias, por volta das 16h30, uma condutora para sobre a faixa de pedestres enquanto aguarda a saída dos estudantes.

Enquanto esperava, o rapaz foi pedir pra que o carro fosse retirado do local, sendo que alem de estar sobre a faixa, o carro também estava parado na contramão. A mulher não atendeu o pedido, foi quando começou a discussão. "Estava de saco cheio de não poder mais atravessar sobre a faixa", comentou o rapaz. 

A Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) pode ser acionada em casos com este, pelos telefones 3314-3422, 3314-3423 ou no 118.

Direto das Ruas – Envie sua notícia, flagrante, sugestões de matérias, fotos, áudios e vídeos via WhatsApp pelo número (67) 9687-7598.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions