ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, DOMINGO  23    CAMPO GRANDE 22º

Direto das Ruas

Moradora reclama de rua alagada e animais peçonhentos levados por enxurrada

Segundo ela, ratos, baratas e escorpiões são levados dos terrenos baldios para dentro das residências

Mariely Barros | 13/04/2022 14:37

Morada da região do Jardim Manaíra há 12 anos, Maria Fatima Miranda, de 46 anos, reclama da invasão de animais peçonhentos em sua residência durante os dias chuvosos. Segundo a aposentada, terrenos baldios que ficam na Rua Taperoá, onde ela reside, seriam os "culpados" pelas aparições.

Baratas, ratos e escorpiões são frequentemente encontrados pela mulher, diz ela, que chama atenção para os riscos desses locais abandonados e cheios de lixo tanto à saúde dela quanto dos vizinhos. “Não sei se é a chuva com o calor, se é a época, nunca vi tanto bicho assim na minha vida”, fala.

Outro problema relatado pela moradora são as crateras abertas na rua durante as chuvas. Segundo ela, o local fica intransitável para quem sai andando a pé ou de moto. “Se chover por 30 minutos, a rua alaga e vira rio, meu marido só conseguiu sair hoje, porque foi de carro”, lembra.

Apesar das reclamações, Maria confessa que não acionou a prefeitura sobre os problemas da rua, pois achou que acionar os órgãos de fiscalização não resolvia.

Penalidade - O cidadão que for flagrado realizando o descarte irregular de resíduos pelas forças de segurança pública responderá por crime ambiental e caso flagrado por um auditor fiscal da Semadur será autuado, via processo administrativo, de acordo com o Código de Polícia Administrativa, Lei 2909/92, do município de Campo Grande. A multa neste caso varia entre R$ 2.727,50 e R$ 10.910,00.

Denúncias de descarte irregular de resíduos nas vias públicas podem ser registradas via telefone 153 à Patrulha Ambiental da Guarda Civil Metropolitana para que o autor seja flagrado realizando o descarte. Já denúncias de má conservação de terrenos e pedidos de patrolamento de rua podem ser feitas pela Central de Atendimento ao Cidadão no telefone 156.

Direto das Ruas - A imagem chegou ao Campo Grande News por meio do Direto das Ruas, canal de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos sejam feitos com o celular na posição horizontal.

Nos siga no Google Notícias