ACOMPANHE-NOS    
ABRIL, TERÇA  13    CAMPO GRANDE 31º

Direto das Ruas

"Patrão acha que a gente inventa" diz trabalhador sobre lotação de ônibus

Reclamação também se estende as linhas extintas devido a pandemia

Por Giovana Martini | 04/03/2021 15:02



Só depois de quase uma hora de espera no ponto, Jefferson Ramires, consultor de vendas de 38 anos, conseguiu um ônibus para voltar para casa, mas ainda "visivelmente lotado, sem o menor sinal de distanciamento", reclama. "Isso acontece diariamente, eu me sinto humilhado andando de transporte público aqui em Campo Grande", reclamou ele.

O flagrante enviado pelo Direto das Ruas foi da noite de quarta-feira (3), em um veículo da linha 070. "Todo mundo amontoado, empoleirado um no outro. Fiquei assustado, por conta desse novo surto da pandemia. Um senhor que estava na cadeira preferencial começou a pedir, indignado, que alguém filmasse, fizesse algo sobre aquilo." conta Jefferson, que afirma ter sido o estopim para que pegasse seu celular e fizesse as imagens.

Nos turnos do fim de semana, a situação piora para chegar ao serviço, diz. "Eu pego uma linha que não existe mais nos fins de semana, o 102, eles cortaram e deram a justificativa que seria por conta da pandemia." relatou o consultor. "Como que você volta pra casa quando não tem mais a sua linha? Tem patrão que até não acredita, acha que o empregado inventa porque não quer trabalhar no sábado"

Jefferson, receoso por conta da Covid-19, avalia a situação. "Como que a gente se protege do Covid se tem essa aglomeração no transporte todo dia? Infelizmente, não só eu, mas vários brasileiros e campo-grandenses tem que dar a cara, porque não temos privilégio de home office".

O Consórcio Guaicurus está apurando a situação e informou que a linha cortada em questão, 102, opera aos sábados somente até as 8:30 da manhã. A empresa orienta os usuários do transporte a baixarem o aplicativo do Consórcio Guaicurus no celular, para visualizar todas as linhas operantes no dia e diversas opções de deslocamento usando linhas diferentes.

Quanto ao 070, o Consórcio informou que o ônibus tem autorização de levar 30 passageiros em pé; caso o limite tenha sido excedido, o motorista e o cliente que embarcou além estariam quebrando o decreto municipal.

Direto das Ruas – A informação chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário