ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 

Direto das Ruas

Túmulos "desaparecem" em meio ao mato alto no Cemitério do Cruzeiro

"Fiquei impregnado de carrapicho", reclama morador, de 57 anos, que foi visitar o túmulo da mãe

Por Adriano Fernandes | 16/02/2021 23:42
Flagrante feito por leitor, mostra o mato alto que já encobre muitos túmulos. (Foto: Direto das Ruas)
Flagrante feito por leitor, mostra o mato alto que já encobre muitos túmulos. (Foto: Direto das Ruas)

O Cemitério do Cruzeiro, na Avenida Cônsul Assaf Trad foi tomado por um verdadeiro "matagal", que está gerando transtornos aos visitantes do local. Registro feito um taxista, de 57 anos, que pediu para não ter a identidade divulgada, mostra a vegetação que encobre muitos túmulos do cemitério.

Além de dificultar o acesso aos jazigos, a situação também gera desconforto entre quem tem familiares enterrados no cemitério. "É uma vergonha. Fiquei impregnado de carrapicho", comenta o leitor que esteve no local, visitando o túmulo da mãe.

Segundo o taxista, para chegar aos túmulos é preciso enfrentar os arbustos que em alguns pontos, já chegam na altura da cintura. "Mas achei também muito estranho as luzes da capela estarem todas acesas, sendo que não tinha nenhum funcionário ou responsável", completa.

O Campo Grande News encaminhou à denúncia para a prefeitura da Capital. A reportagem questionou o município se há uma previsão para limpeza do cemitério e aguarda retorno.

Direto das Ruas – A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário