ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, DOMINGO  05    CAMPO GRANDE 26º

Economia

Agricultura Familiar entrega 50 toneladas de frutas e verduras semanalmente

Por Renata Volpe Haddad | 23/06/2015 14:02
Produtores descarregam caminhões com 50 toneladas de frutas e verduras. (Foto: Marlon Ganassin/Divulgação)
Produtores descarregam caminhões com 50 toneladas de frutas e verduras. (Foto: Marlon Ganassin/Divulgação)

Semanalmente, 130 entidades recebem 50 toneladas de alimentos entre verduras, frutas e legumes, distribuídos a 70 mil pessoas da Central de Processamento de Alimentos, órgão ligado à Sedesc, como parte do Programa de Aquisição de Alimentos, do Ministério do Desenvolvimento Social.

Os alimentos são adquiridos de 300 produtores da agricultura familiar inscritos no PAA (Programa de Aquisição de Alimentos). São beneficiados os produtores, que tem a venda da colheita garantida, e as entidades assistenciais, com apoio da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), com recursos oriundos do MDS (Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome).

De acordo com a superintendente do Departamento de Agronegócio da Sedesc, Karla Nadai, o PAA incentiva a agricultura familiar e também o desenvolvimento das propriedades. “O produtor é incentivado a ter mais culturas, a diversificar suas atividades. Temos alguns exemplos que só tinham um tipo de verdura e hoje estão com várias folhagens”, explica.

Mais de 100 caixas de folhosas são entregues semanalmente a Central de Processamento de Alimentos, em Campo Grande. (Foto: Marlon Ganassin/Divulgação)
Mais de 100 caixas de folhosas são entregues semanalmente a Central de Processamento de Alimentos, em Campo Grande. (Foto: Marlon Ganassin/Divulgação)

Central - Segundo a Prefeitura de Campo Grande, na Capital, são 900 produtores da agricultura familiar. A comunidade quilombola Chácara Buriti está hpa sete anos anos no programa e a produção mudou. Atualmente, entregam mais de 100 caixas de folhosas ao CPA (Central de Processamento de Alimentos) e também para supermercados.

Na manhã de hoje, o produtor Joelton Rosa, entregava caixas de alface e outras verduras no CPA, e segundo ele, a participação no PAA mudou a comunidade. “Mudou nossa vida quando começamos a participar do programa, aumentou e teve mais produtos em nossa produção, são quase 30 toneladas de folhosas por semana”, conta.

A central também cuida das entidades, promovendo cursos e ações socioeducativas para que os beneficiados possam se desenvolver e não precisar do benefício no futuro. Conforme a coordenadora da CPA, Gizeli Motta do Prado, os alimentos passam por triagem e a distribuição é feita por recomendações de nutricionista. Inclusive, os produtores são orientados a trazer o número correto de caixas, para evitar desperdício. “Por semana, entregamos 50 toneladas de alimentos a 130 entidades, beneficiando 60 mil pessoas. E não apenas entregamos, cuidamos para que os beneficiados busquem se aperfeiçoar, com ações e cursos”, revela.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário