A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Outubro de 2018

01/01/2011 12:50

Meta no próximo governo é ultrapassar 100 mil empregos

Fernanda França
Puccinelli fala de desenvolvimento durante a posse dos secretários. (Foto: João Garrigó).Puccinelli fala de desenvolvimento durante a posse dos secretários. (Foto: João Garrigó).

O governador André Puccinelli (PMDB) afirmou nesta manhã, durante a posse de seu secretariado, que a meta para os próximos quatro anos de administração é ultrapassar a marca dos 100 mil empregos com carteira assinada.

A qualificação, segundo Puccinelli, será feita junto à Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul), Sebrae, prefeituras e Associações Comerciais.

“Vamos fazer escolas profissionalizantes conforme a aptidão de cada região e a meta é atingirmos 100, 150, até 200 mil empregos com carteira assinada, o máximo possível”, comentou.

Sobre o crescimento econômico do Estado, o governador enfatizou que ele deve acontecer de forma igualitária, conforme o ZEE (Zoneamento Ecológico e Econômico).

“Nós queremos desenvolver o Estado de forma equânime, para que os pequenos municípios possam ter também a sua industrialização”, afirmou.

Crise

Durante discurso de posse do secretariado, o governador lembrou que Mato Grosso do Sul aguentou firme a crise econômica de 2009 e que somente no fim de 2010 o Estado alcançou o equilíbrio em suas finanças.

De acordo com ele, sua equipe técnica terá de trabalhar nos próximos quatro anos "evitando o desperdício".

Puccinelli previu percausos naturais em seu segundo mandato, mas disse que pretende dar continudade ao trabalho realizado, atuando em favor da industrialização, descentralização da saúde e melhorias na Educação.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions