A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

16/05/2012 17:58

Com reajuste de pelo menos 10%, gasolina deve subir para R$ 2,86

Mariana Lopes

Aumento foi considerado após reajuste no salário dos funcionários de postos de combustível, aumento repassado pela Petrobras e alta do dólar

Preço da gasolina deve subir até o final de maio (Foto: Arquivo/João Garrigó)Preço da gasolina deve subir até o final de maio (Foto: Arquivo/João Garrigó)

Até o final do mês, a gasolina deve ter reajuste de pelo menos 10% e o preço médio do litro pode ir de R$ 2,60 para R$ 2,86. Isso por causa do aumento repassado pela Petrobras, reajuste no salário dos funcionários de postos de combustível e alta do dólar.

De acordo com Edson Lazaroto, consultor do Sinpetro (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo e Lubrificantes), com o déficit no orçamento, a margem de lucro da empresa caiu e a presidência da empresa decidiu repassar os aumentos.

Sobre o reajuste de 9,23% no salário dos funcionários de postos de combustíveis, Lazaroto explicou que, além dos custos com a folha de pagamento, muitos empresários estão segurando os preços sem repassar custos que incidiram sobre a revenda no final do ano passado e início de 2012.

“Muitos deles estão enfrentando dificuldades e hoje acenam não terem mais condições de segurar os preços”, diz o consultor.

Ele lembrou que nos últimos anos os empresários foram obrigados a promover altos investimentos a fim de adequar os seus estabelecimentos às exigências da legislação ambiental. "Tanques em diversas unidades foram trocados, estamos investindo na instalação de caixas coletoras de resíduos e ainda temos que arcar com custos permanentes com o monitoramento da qualidade da água e do solo em nossas unidades", ressaltou Edson Lazaroto.

A alta no preço da gasolina também está atrelada ao aumento do preço do dólar que recentemente bateu a casa dos R$ 2, isso porque os barris de petróleo são cotados em dólar.

Procon da Capital abre campanha para orientar comércio e consumidor no Natal
O Procon (Subsecretaria de Proteção e Defesa do Consumidor) de Campo Grande dá início nesta segunda-feira (18) a uma semana de orientação e atendimen...
Os limites do “desculpe, seu score está baixo”
Imagine a seguinte situação. Você está navegando em uma grande loja de comércio eletrônico e escolhe um novo celular para compra. Na hora do pagament...
Confaz aprova incentivos fiscais concedidos pelo Governo de MS
O Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) aprovou a convalidação de todos os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado em Mato G...


aqui em jardim ja ta 3 reais faz tempo,com certeza vai chegar a 3,50 afffffffffffff
 
junior vieira em 17/05/2012 10:04:35
E o pior de tudo é o tal do carro flex. Antes carros a gasolina (como o uninho/gol) que faziam tranquilamente 11 Km/l dentro da cidade, (Ar/dh) agora não fazem nem 8 Km/l. Esses carros vieram para acabar com o bolso do povo em prol da elite dos usineiros.
 
Angelo Fantin em 17/05/2012 09:06:49
Palhaçada, vamos voltar ao tempo antigo, vamos andar de carroça e de cavalo, e deixar amarrado o cavalo no relogio da afonso pena!!!
Isso é um absurso, mas o povo aceita tudo mesmo, não reclame do valor da gasolina e sim dos impostos vinculados nela isso sim é um absurdo, pode ter certeza que chega a quase 60% de impostos.mas esse é o brasil que tira de ums para bancar bolsas familias e reclusão
 
Andre Marcel em 17/05/2012 08:52:02
As justificativas do Sr. Edson são totalmente verdadeiras, pois o preço da gasolina em Campo Grande está sendo bancado pelos donos de postos em virtude da famosa "guerra de preços" (não confunda com Livre Concorrência). O preço em Campo Grande está mais barato do que em SP ou PR que é de onde origina o combustível vendido aqui. Tem o lado social também, que será os Pais de Famílias desempregados.
 
Fernando Nomura em 17/05/2012 08:06:10

Concordo plenamente Marcos, é a lei da oferta e da procura, se diminuir a procura eles terão que manter os preços atuais, sempre somos nós a pagar a conta. Só faltou a justificativa ser a Crise na Europa. kkkkkkkkkkkkkkkk. Aceitamos tudo fazer o quê???
 
Cleunice Silva em 17/05/2012 07:52:57
ah se aqui em Paranaíba fosse R$ 2,86..... já está R$ 2,99 faz tempo.......
 
Gustavo Barbosa Nicolau em 16/05/2012 10:45:22
Quando o dólar cai não caem preços dólar sobe sobe gasolina !
 
Alex santos em 16/05/2012 10:05:24
Até que não subiu muito.
Acessando o link que ora posto, poderemos ver quanto custava em 2003.
http://www.fiscosoft.com.br/indexsearch.php?PID=611376
Só pra refrescar os cucas quentes.
 
Ezio José em 16/05/2012 08:24:16
e o famoso "jeitinho brasileiro". $$$$$$$$$$
 
Marco Antonio em 16/05/2012 08:22:18
E povo oooooooooooooooooooooooooooo Pessoal deveria abastecer so necessario para fazer ter uma queda brusca ai sim eles respeitariam nos brasileiros .
isso jogada dos mercenarios...........
 
Marcos Rezende em 16/05/2012 08:03:11
Esse senhor simplesmente esta faltando com a verdade, ontem o ministro Guido Mantega anunciou que o governo, via Petrobras não irá aumentar preço de combustiveis em 2012. Que balela é essa de aumento do Dólar, primeiro que o Brasil é auto suficiente em produção de petróleo, e segundo o dolar só afeta quem importa e no caso a PETROBRAS, e não postos de combustiveis que recebem o produto ja refinado
 
Olimpio Franco em 16/05/2012 07:38:48
Quando e em quem devemos crer, se ontem lia-se que não haveria aumento e hj se anuncia um aumento de só 10%. Quanta palhaçada nesse nosso querido Brasil!
 
nadir giacomini em 16/05/2012 07:04:35
Ainda ontem saiu uma reportagem que a gasolina nao ia mais aumentar.

muito engraçado..........
 
thiago souza em 16/05/2012 06:52:19
Ta bom o preço,aqui em Rochedo ta 2,95 ja tem uma decada e num abaixa nenhum pouquinho.
 
fernando barros em 16/05/2012 06:05:02
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions