A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

20/04/2009 13:18

Consumidor segue cauteloso após redução do IPI

Redação

"Aproveite a redução do IPI". O gerente da loja Ponto Certo, Rogério Reggori, espera que os dizeres da faixa, posta estrategicamente na entrada da loja, resulte em até 70% de aumento nas vendas de geladeiras, fogões, máquinas de lavar roupa e tanquinhos.

A previsão otimista tem como base a queda nos preços, advinda da redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) anunciada na última sexta-feira. O governo federal reduziu de 5% para 0% a alíquota do IPI sobre fogões, de 15% para 5% sobre geladeiras, de 20% para 10% sobre máquinas de lavar e de 10% para 0% sobre tanquinhos.

"Tem geladeira que custava R$ 949 e agora está saindo por R$ 649. Já um modelo de lavadora de roupas passou de R$ 1.190 para R$ 999", conta Rogério Reggori. De acordo com ele, os novos preços são aplicados desde sábado. Ele define que a procura dos consumidores ainda é tímida, mas acredita que aumente tão logo a medida do governo se popularize.

Na loja Magazine Luza, a expectativa é que a redução do IPI resulte em até 30% a mais no volume de vendas. Inicialmente, a comercialização dos produtos com menos carga tributária já cresceu 15%. Na linha de fogões e máquinas de lavar, os descontos chegarão a até R$ 300 e, na de geladeiras, podem atingir até R$ 500.

Cautela

Idec alerta para tentativa de fraudes após acordo sobre planos econômicos
Pouco mais de 48 horas depois de oficializada a assinatura do acordo entre a Advocacia-Geral da União (AGU), representantes de bancos e associações d...
Dólar fecha no maior valor em 5 meses após adiamento da reforma da Previdência
Em um dia de tensões no mercado de câmbio, o dólar fechou no maior valor em quase seis meses. O dólar comercial encerrou esta quinta-feira (14) vendi...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions