A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

12/03/2013 15:51

Eldorado deve atingir capacidade total de produção de celulose antes do prazo

Nícholas Vasconcelos e Helton Verão
Capacidade de produção da Eldorado é de 1,5 milhão de toneladas de celulose branqueada. (Foto: Divulgação)Capacidade de produção da Eldorado é de 1,5 milhão de toneladas de celulose branqueada. (Foto: Divulgação)

A fabrica de celulose Eldorado Brasil, instalada em Três Lagoas, deve atingir em abril a capacidade total de produção, que é de 1,5 milhão de toneladas por ano. O anúncio foi feito na tarde desta terça-feira (12) pelo presidente da empresa, José Carlos Grubisich, em videoconferência.

Segundo ele, Grubrisich a empresa atingiu todas as metas nos três primeiros meses do ano, abaixo dos custos. “Já atingimos 70% da nossa capacidade nominal. Este mês, devemos chegar as taxas de 80% e 90% e em abril estaremos plenos”, disse.

Em funcionamento desde novembro, inaugurada em dezembro, a planta tem previsão de gerar uma receita bruta de até R$ 2 bilhões já no primeiro ano.

A área plantada de eucalipto atualmente é de 110 mil hectares, mas a previsão é de que ela alcance os 160 mil hectares.

Foram investidos R$ 6,2 bilhões para a instalação da Eldorado, dos quais R$ 800 milhões em logística, R$ 900 milhões em florestas e R$ 4,2 bilhões na construção. No total, foram gerados 2,5 mil empregos diretos e indiretos.

O presidente revelou que nos anos de 1970 a produção média era de 17 toneladas cúbicas de celulose por hectare, mas hoje já atinge 40 toneladas. A explicação para evolução é o investimento em estudo, desenvolvimento e tecnologia aplicados no setor.

A celulose produzida em Três Lagoas é exportada para Europa, Ásia, Estados Unidos e clientes nacionais.

Segundo o presidente da Eldorado, a previsão era de que o mercado interno recebesse 7% do total de vendas, mas as expectativas foram superadas e já atingem os 12%. “Estamos com praticamente toda produção negociada”, afirmou.

Dólar fecha em queda de 1,35% após seis altas seguidas
O dólar comercial encerrou o pregão de hoje (21) em queda de 1,35%, cotado a R$ 3,689. O resultado ocorre após seis altas consecutivas da moeda norte...
Receita Federal alerta para golpe contra tomadores de empréstimos
Um nova modalidade de golpe utilizando o nome da Receita Federal está lesando pessoas que tomam empréstimo em instituições financeiras. De acordo com...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions