A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Maio de 2018

11/07/2017 17:42

Em 12 meses, foram extintas 1.879 empresas em MS, afirma estudo

Para cada unidade aberta, são fechadas cinco diariamente

Osvaldo Júnior
Loja fechada em Campo Grande (Foto: Marcos Ermínio)Loja fechada em Campo Grande (Foto: Marcos Ermínio)

Em 12 meses, foram extintas 1.879 empresas com vínculos empregatícios em Mato Grosso do Sul. O número corresponde a saldo entre abertura e fechamento de negócios de diversos segmentos, que empregam formalmente.

Em todos os trimestres, desde o início do ano passado, os resultados têm sido negativos no Estado, de acordo com estudo da Divisão Econômica da CNC (Confederação Nacional do Comércio), divulgado nesta terça-feira (dia 11).

O levantamento mostra apenas os saldos entre aberturas e fechamentos de empresas. A CNC explica que a pesquisa é feita com base em dados do Caged ( Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) do MTE ( Ministério do Trabalho) e as informações dessas fontes são apenas dos saldos.

Ainda conforme a CNC, os deficits representam diminuição do volume total de empresas. Isso significa que o número de empreendimentos está cada vez menor, o que representa menos vagas de empregos ofertadas, entre outros impactos na economia.

Segundo a série histórica do estudo, de janeiro a março deste ano, Mato Grosso do Sul contabilizou saldo foi de -113 empresas. A quantidade é inferior aos deficits verificados nos trimestres anteriores.

Mesmo menor, o resultado deste ano contribui para quadro crítico nos negócios empresariais: em 12 meses, o estoque de empreendimentos caiu em 1.879 unidades.

Esse volume corresponde à média mensal de 156 empresas a menos. Com base nos dados do estudo, é possível aferir outra equivência: para cada empresa aberta são fechadas cinco diariamente em Mato Grosso do Sul.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions