A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

16/01/2013 18:01

FCO financiou R$ 1,4 bilhão para 15 mil projetos no ano passado

Nícholas Vasconcelos
Fundo financiou usinas de açúcar e alcool e diversas regiões do Estado. (Foto: João Garrigó)Fundo financiou usinas de açúcar e alcool e diversas regiões do Estado. (Foto: João Garrigó)

O FCO (Fundo Constitucional do Centro-Oeste) financiou mais de R$ 1,4 bilhão para 15 mil projetos no ano passado em Mato Grosso do Sul. O valor é cerca de 27% maior na comparação com ano passado, quando foram liberados R$ 1,1 bilhão com 14.767 operações contratadas.

O setor rural recebeu a maior parte dos recursos contratados em 2012 em virtude do bom momento que vive o setor em relação aos preços das commodities agrícolas.

Investimentos se concentraram na ampliação e modernização do parque de máquinas, na correção de solo e recuperação de pastagens, na ampliação da rede armazenadora, na expansão e consolidação de projetos do setor sucroalcooleiro, na implantação de novas áreas de floresta e na modernização do setor avícola estadual. Houve também crescimento nas aplicações do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Famaliar).

O parque sucroalcooleiro da região Centro Sul recebeu investimentos, em especial para os municípios de Nova alvorada, Rio Brilhante, Ivinhema, Caarapó, e Batayporã.

Houve também apoio financeiro para uma maior diversificação das atividades, com interiorização dos recursos, beneficiando as diversas regiões do Estado.

Segundo Conselho Monetário Nacional, a taxa de juros dos fundos constitucionais foi fixada em 3,53% e de 4,12% para o 2º semestre. Foram definidos os bônus de adimplência reduzidos para 3% e 3,5%, respectivamente.

Para 2013 o Conselho Deliberativo do FCO anunciou recursos de aproximadamente R$ 5,4 bilhões para o Centro-Oeste. Desse volume, Mato Grosso do Sul prevê um orçamento de R$ 1,2 bilhão existindo já uma demanda significativa em tramitação, em continuidade aos trabalhos do Fundo.

O primeiro encontro acontece na próxima quarta-feira (23), a partir das 8h30 na sala de reuniões da Seprotur (Secretaria de Desenvolvimento Agrário, Produção, Indústria, Comércio e Turismo).

 

Para Moka, FCO é fonte de investimento vital para a economia do Centro-Oeste
Para o senador sul-mato-grossense Waldemir Mola (PMDB), os fundos, como o FCO (Fundo de Investimento do Centro-Oeste), são vitais para a economia da ...
Os limites do “desculpe, seu score está baixo”
Imagine a seguinte situação. Você está navegando em uma grande loja de comércio eletrônico e escolhe um novo celular para compra. Na hora do pagament...
Confaz aprova incentivos fiscais concedidos pelo Governo de MS
O Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) aprovou a convalidação de todos os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado em Mato G...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions