A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

18/10/2013 15:23

Mesmo desacelerada, China ainda é o fator para exportação crescer 37%

Lidiane Kober
A venda de soja lidera o ranking de exportação, com faturamento de U$ 1,164 bilhão de janeiro a setembro de 2013. (Foto: Arquivo)A venda de soja lidera o ranking de exportação, com faturamento de U$ 1,164 bilhão de janeiro a setembro de 2013. (Foto: Arquivo)

Apesar da desaceleração neste ano e das previsões pessimistas de crescimento para os próximos anos, a China continua alavancando as exportações em Mato Grosso do Sul. Conforme balanço do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, 23,5% dos produtos mandados para fora do país foram parar na China.

De janeiro a setembro deste ano, o Estado arrecadou US$ 4,19 bilhões em exportação, 37,38% a mais que no mesmo período de 2012. Somente a China, gastou US$ 988,5 milhões com produtos sul-mato-grossenses, montante 77,1% superior ao desembolsado de janeiro a setembro do ano passado.

Por outro lado, o Estado gastou em importação US$ 4,27 bilhões, 19,68% a mais que em 2012, quando Mato Grosso do Sul mandou para fora do país US$ 3,57 bilhões. Apesar de a importação ainda superar a exportação, o déficit da balança comercial caiu diante do crescimento superior da venda de produtos ao exterior.

Atualmente, o prejuízo é de US$ 76 milhões, US$ 31 milhões a menos que os U$ 107 milhões registrados de janeiro até julho deste ano. No mesmo período de 2012, o valor era de U$ de 504 milhões.

Os mais vendidos - De acordo com o consultor em comércio exterior, Aldo Barrigosse, a venda de soja lidera o ranking de exportação, com faturamento de U$ 1,164 bilhão de janeiro a setembro de 2013. O montante equivale a quase o dobro dos U$ 678,08 milhões arrecadados no mesmo período do ano passado.

Segundo produto mais exportado por Mato Grosso do Sul, a celulose registrou acréscimo de 149% nas vendas. De janeiro a setembro deste ano, chegaram ao Estado US$ 781,2 milhões. No mesmo período do ano passado, as vendas somaram US$ 331,4 milhões.

O faturamento com a cana de açúcar e seus derivados segue na terceira posição, mas ao contrário da soja e da celulose não apresenta crescimento significativo. Nos nove primeiros meses deste ano, o produto gerou renda de US$ 396,08 milhões. No mesmo período de 2012, a arrecadação foi de US$ 391,83 milhões.

No quesito importação, o gás natural continua dominando os gastos de Mato Grosso do Sul com produtos de fora. Dos US$ 4,27 bilhões, US$ 2,73 bilhões foram investidos na compra do produto de janeiro a setembro deste ano. Na mesma época de 2012, o valor atingiu a US$ 2,31 bilhões.

Em 6 meses de 2013, exportações de soja do MS ultrapassam total de 2012
O volume exportado por Mato Grosso do Sul no primeiro semestre deste ano é 15% superior ao total de envios ao exterior durante todo ano de 2012. Some...
Exportações de MS sobem 57% em abril e atingem US$ 564 milhões
As exportações de Mato Grosso do Sul subiram 57% no mês de abril, segundo o balanço preliminar do Midic (Ministério do Desenvolvimento Indústria e Co...
Exportações do agronegócio mantêm superávit em tempos de crise
A balança comercial brasileira vem registrando resultados fracos em razão dos efeitos da crise internacional sobre as exportações, segundo o governo....


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions