ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SEXTA  27    CAMPO GRANDE 21º

Economia

MS quer ampliar a produção de peixes em 50% e chegar a 55 mil toneladas

Com destaque para cinco municípios, tilápia se projeta no cenário estadual

Por Aline dos Santos | 29/01/2022 09:16
Produção de tilápia em Mato Grosso do Sul. (Foto: Edemir Rodrigues)
Produção de tilápia em Mato Grosso do Sul. (Foto: Edemir Rodrigues)

Mato Grosso do Sul quer ampliar em 50% a produção de peixes de cultivo, atingindo 55 mil toneladas de pescado em 2022. No ano passado, foram 36,4 mil toneladas. A meta é um dos objetivos do Pro-Peixe (Plano Estadual de Fortalecimento da Cadeia Produtiva da Piscicultura).

"A ideia é promover o fortalecimento da cadeia produtiva da piscicultura no Estado, de forma ambientalmente correta, economicamente viável e socialmente justa", afirmou o titular da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Produção, Desenvolvimento e Agricultura Familiar), Jaime Verruck.

De acordo com o site de notícias do governo, o município de Inocência, a 331 km de Campo Grande, tem projeto de construção de um frigorífico para processamento da carne de tilápia.

Segundo o prefeito Antônio Ângelo Garcia dos Santos (DEM), o investimento será de R$ 10 milhões para construção de uma planta industrial que irá beneficiar até cinco toneladas de tilápia ao dia, com potencial de geração de 100 empregos diretos.

Em 2021, o Estado produziu 16,2 milhões de tilápia. A produção se concentra em cinco municípios: Aparecida do Taboado (40,97%), Selvíria (32,99%), Brasilândia (6,21%), Mundo Novo (5,68%) e Itaporã (4,21%).

Nos siga no Google Notícias