A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 24 de Outubro de 2018

16/07/2008 09:36

MSGás prevê salto no consumo, puxado pelas indústrias

Redação

O consumo de gás natural boliviano deve ter uma forte expansão já a partir do segundo semestre deste ano, segundo prevê a MSGás. No ano passado houve retração, mas o cenário, segundo a estatal é animador.

Em Três Lagoas a aposta é no inicio das atividades da Votorantim Celulose Papel (VCP) que deve começar a operar já em 2009, consumindo 180 mil m³/dia.

Em Corumbá a implantação da siderúrgica MMX deve consumir cerca de 75 mil m³/dia de gás natural. Já a Rio Tinto do Brasil prevê o consumo, em uma primeira fase marcada para meados de 2010, de 168 mil metros cúbicos por dia, apenas para o projeto de secagem, contanto com outros 10 mil metros por dia para a geração de energia. Na segunda fase a planta será duplicada o que acarretará em mais 150 mil m³/ dia de gás natural e o total do projeto apresentado pela Rio Tinto chegará a 1,5 milhão de m³/dia até 2011.

Já na Capital há um projeto inédito para implantação da co-geração de energia a partir do gás natural.

Dólar fecha terça-feira com leve alta, cotado a R$ 3,69
O dólar fechou a terça-feira (23) em leve alta de 0,21%, vendida a R$ 3,6962. Na máxima do dia, a moeda chegou a R$ 3,7227. O mercado financeiro acop...
Dólar tem leve queda e abre semana cotado a R$ 3,68
O dólar abriu a semana em queda de 0,65%, sendo cotado a R$ 3,6883. Na mínima desta segunda-feira (22), a moeda chegou a R$ 3,6692. O mercado finance...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions