A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

01/08/2013 14:28

Nova ferrovia que interligará MS ao Paraná deve ser construída em cinco anos

Edivaldo Bitencourt e Bruno Chaves
Murilo e André abriram reunião sobre Ferroeste (Foto: Bruno Chaves)Murilo e André abriram reunião sobre Ferroeste (Foto: Bruno Chaves)

O traçado definido para a construção do novo ramal ferroviário da Ferroeste em Mato Grosso do Sul deverá ser concluído em cinco anos e terá investimento de R$ 7,3 bilhões. A nova linha férrea faz parte das estratégias para baratear o escoamento da produção agrícola no Estado, que é tema de debate entre representantes do poder público e produtores rurais na Famasul (Federação de Agricultura de Mato Grosso do Sul).

O encontro foi aberto pelo governador André Puccinelli (PMDB), pelo prefeito de Dourados, Murilo Zauith (PSB), e pelo presidente da Ferroeste, João Vicente Bresolin Araújo. Os secretários estaduais de Produção, Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias, e de Obras, Edson Giroto, também participam da reunião, que acontece as portas fechadas.

Murilo frisou a importância da novas ferrovias para a região de Dourados, um dos principais polos do agronegócio em Mato Grosso do Sul. Ele disse que a Ferroeste apresentaria, na reunião de hoje, todos os estudos sobre a viabilidade econômica do projeto.

Ele destacou ainda que o novo traçado da Ferrovia Norte Sul, que deverá interligar Dourados a Estrela do Oeste (SP), também será fundamental para o desenvolvimento da região. As duas ferrovias, Norte Sul e Ferroeste, vão se interligar em Dourados, de acordo com o prefeito.

Segundo Araújo, o objetivo do encontro é alinhar as diretrizes gerais entre os governos do Paraná, Mato Grosso do Sul e a União para melhorar o escoamento da produção. A administração do Porto de Paranaguá pediu a realização da reunião com representantes de Mato Grosso do Sul, já que a maior parte da exportação feita pelo local sai de Mato Grosso do Sul. “Não faz sentido o porto trabalhar sem saber a origem do produto”, contou o dirigente.

Traçado – O traçado da Ferroeste vai interligar Maracaju (MS) a Lapa, no Paraná. A extensão será de 989 quilômetros e interligará 33 municípios paranaenses e sul-mato-grossenses. O investimento previsto é de R$ 7,3 bilhões, segundo a ANTT (Agência Nacional de Transporte Terrestre). A obra será construída no período de 60 meses.

Murilo explicou que dois grupos trabalham na elaboração dos projetos das ferrovias no Estado. O primeiro é para interligar MS a Panorama. O outro é interligar com Cascavel (PR).

Empresários discutem formas de tirar Ferroeste do papel
O presidente da Ferroeste, Samuel Gomes, discute nesta terça-feira (8) com empresários de Mato Grosso do Sul as atualizações do Plano Nacional de Log...
Entidades do Paraná apóiam extensão da Ferroeste até MS
Quatro entidades do Paraná manifestaram apoio à construção dos novos terminais da Ferroeste, que poderá chegar a Mato Grosso do Sul. A proposta é lig...
Entidades do Paraná apóiam extensão da Ferroeste até MS
Quatro entidades do Paraná manifestaram apoio à construção dos novos terminais da Ferroeste, que poderá chegar a Mato Grosso do Sul. A proposta é lig...
Dólar fecha perto de R$ 3,33, maior valor em cinco meses
Num dia de tensões no mercado de câmbio, a moeda norte-americana fechou no maior valor em quase seis meses. O dólar comercial encerrou esta terça-fei...


É melhor demorar cinco anos do que nunca.Agora SRS. políticos fiquem sabendo que isso já era para estar funcionando há muitos anos. Porque se o dinheiro dos impostos dos contribuintes fossem bem canalizados e fiscalizados a população já de há muito tempo vinham usufruindo desse benefício. tornando tupo mais acessível e num preço bem menor ao consumidor. Mas por conta da ineficiência, desvios, corrupções etc., quem sofre é a população que perde sempre no páreo quando tem que disputar verbas que são destinadas em favor da população com políticos que querem comprar, fazendas, carros luxuosos, e outras ganâncias etc.etc. Mas, "engana-se um povo por algum tempo mas não poderão enganar esse mesmo povo por todo o tempo" não me lembro do autor da frase mas encerra uma grande verdade.
 
João Alves de Souza em 01/08/2013 17:49:35
"A obra será construída no período de 60 meses" ha ha ha .....
 
Alex André de Souza em 01/08/2013 16:07:21
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions